Imprimir

Notícias

05/04/2019 | 18h24m - Publicado por: Giovanna Prisco | Foto: Reprodução/Youtube

Luisa Mell relembra como começou a se dedicar aos animais

Atualmente, a ativista é o principal nome quando o assunto é proteção animal

Luisa Mell relembra como começou a se dedicar aos animais - Reprodução/Youtube

Nesta sexta-feira (5), Júlia Faria publicou em seu canal, da Rede Snack, um vídeo em que entrevista Luisa Mell.

A ativista contou um pouco de sua trajetória e explicou que o interesse pela causa animal apareceu depois de adulta quando foi fazer uma reportagem para seu programa Late Show, no Centro de Zoonoses, na Zona Norte de São Paulo.

“Eu sempre brinco que começou depois de velha. E isso é uma coisa boa porque eu penso que qualquer pessoa pode mudar. Eram centenas de cachorros implorando para mim e naquele dia eu não pude fazer nada, não tinha a menor noção, mas ali eu jurei que ia me dedicar a mudar isso”, contou ela.

Foi nesse momento que Luisa descobriu toda a crueldade que cercam esses animais e foi assim que ela começou a se dedicar a eles.

“Comecei a virar madrinha de várias ONGs e colocar a proteção animal na TV, que era a primeira vez. Comprei muitas brigas, não foi fácil. Teve uma época em que eu me dei muito mal, todas as portas se fecharam para mim e eu entrei em uma depressão muito forte, mas aí a minha mãe me falou: levanta daí que você vai mudar o mundo”, relembrou a ativista.

Luisa Mell também aproveitou para comentar sobre o seu próprio instituto de proteção aos animais.

“Em 2015 eu me uni com várias ONGs, daí veio a ideia de criar meu próprio espaço. A gente tem uma diretoria, os funcionários recebem salário, porque agora a gente tem um hospital veterinário, eu sou a cara do Instituto e ele é meu maior orgulho. É uma das maiores ONGs da América Latina, a gente consegue fazer um trabalho com muita dignidade para esses animais que sofreram”, contou.

Ela ainda falou do seu último resgate, de 1700 cachorros de um canil em Piedade. Segundo ela, é o maior do mundo.

“A gente pega os protocolos de ONGs internacionais para saber lidar e não tinha nenhum maior que esse. O maior foi nos Estados Unidos com uns 900 e poucos. Terrível porque a gente não tem punição para quem maltrata os animais no país”, disse.

Confira o vídeo completo!

Luisa Mell ganha homenagem de fã e se emociona
Anitta e Luísa Mell realizam resgate de cachorros em estrada
Capitã Marvel lança campanha com Instituto Luisa Mell





Notícias Relacionadas

24/05/2019 | 10h37m - Giovanna Prisco

Saiba como Karol Conká lida com seu dinheiro

14/05/2019 | 16h56m - Giovanna Prisco

Isabella Santoni arrasa no carão para fotos em evento



Instagram

Instagram

  • Grávida do primeiro filho, Marília Mendonça (@mariliamendoncacantora) fala de mudanças no corpo
(Via Instagram @mariliamendoncacantora)
  • @sophiaabrahao foi uma das convidadas do evento movimento Free Free, em São Paulo. Na ocasião, a atriz e outras famosas conversaram sobre a independência feminina.
Foto: André Ligeiro/Brazil News
  • Nesta semana, @brunamarquezine esteve presente no tapete vermelho do 47º Festival de Cinema de Gramado 2019, para prestigiar seu novo filme Vou Nadar Até Você.
Foto: Eduardo Martins/AgNews
  • Após internação de emergência, #FrancielyFreduzeski se pronuncia e faz um alerta para riscos do uso do metacril 📷Reprodução Instagram
  • #AlineRiscado esquenta a web e lacra de biquíni, na piscina: 'Ninguém manda nessa raba'. Vem ver em OFuxico 📷 Reprodução Instagram
  • #GracyanneBarbosa se diz perdida, no pole dance. Você concorda? 📽 @graoficial
  • #Pedro Scooby leva #Anitta para o quarto, no colinho 📽@anitta

OFuxico