Imprimir

Notícias

01/10/2020 | 21h40m - Publicado por: Michele Marreira | Foto: TV Globo/Divulgação

Malhação: Bóris não aceita voltar a trabalhar na escola

Os dois profissionais de ensino conversarão, mas não entrarão em um consenso

Malhação: Bóris não aceita voltar a trabalhar na escola - TV Globo/Divulgação

Depois de ser acusado injustamente de abusador, Bóris (Mouhamed Harfouch) foi afastado de sua função de coordenador pedagógico do Colégio Grupo. Ele foi vítima das armações da ambiciosa Malu (Daniela Galli).

Edgard (Marcello Antony) repensou e chamará o colega para conversar, oferecendo-lhe o cargo novamente, pedindo que ele retorne ao trabalho. Porém, Bóris não aceitará a proposta.

Saiba mais o que acontece no capítulo:

Anderson afirma que jamais se afastará de Tina. K1 comenta com Fio que Ellen ficará sabendo do beijo que deu em Samantha na festa de Lica. K2 estranha a ausência de Tato. Marta e Luís voltam de viagem, e Leide avisa que um castiçal de prata de Marta desapareceu. K1 repreende MB por não se lembrar da noite que passaram juntos. Keyla leva Tonico ao posto de saúde e é orientada pelo médico. Marta se preocupa com o estado de Lica. Bóris comunica a Edgar que não voltará para o colégio Grupo. Tato e Deco discutem sobre os cuidados com Tonico. Juca e Guto criticam a letra de música feita por Benê. Keyla confessa às amigas que está exausta por causa de Tonico.

Malhação: Viva a Diferença foi a novela escolhida para ser reprisada na faixa das 18h, pois a Rede Globo aderiu às recomendações dos órgãos de saúde e interrompeu as gravações de suas produções durante a quarentena, por conta da pandemia do novo coronavírus.

A trama foi escrita por Cao Hamburguer com direção geral e artística de Paulo Silvestrini e foi ao ar, originalmente, de 8 de maio de 2017 a 5 de março de 2018.

Malhação: Anderson descobre que Tina vai para o Japão
Malhação: Mitsuko quer que Tina vá para o Japão





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico