Imprimir

Notícias

19/01/2021 | 07h05m - Publicado por: Flavia Almeida | Foto: Divulgação/TV Globo

Malhação Sonhos volta ao ar, renovando esperanças

Autores e elenco contaram curiosidades vividas há quase sete anos

Malhação Sonhos volta ao ar, renovando esperanças - Divulgação/TV Globo

“Escrevíamos cantando. Há trechos de músicas em vários diálogos”. A frase pra lá de animadora é de Rosane Svartman, que ao lado de Paulo Halm, assina o texto de Malhação Sonhos, novela exibida na Globo em 2014, que volta ao ar em reprise especial a partir do próximo dia 25 de janeiro. 

Durante coletiva virtual realizada nesta segunda-feira (18), Rosane e Paulo contaram que a ideia da trama que fez enorme sucesso na novela teen, nasceu durante um perrengue daqueles! 

“Estávamos numa tempestade, na avenida Niemeyer (que fica numa encosta, tendo o mar como panorama, na Zona Sul carioca) com medo de sermos arrastados para o oceano! Estava tudo engarrafado e chovia demais. Estávamos certos de que algo iria acontecer”, lembrou Rosane. 

Do nada, ela pensou na encomenda que tinham da Globo, para a próxima temporada de Malhação, e sugeriu algo inusitado. 

“Falei pra ele: ‘E, se a gente fizesse um musical? Que falasse de sonhos e se a gente usasse a arte como metáfora para alcançá-los?’. Nisso, eu desesperada com a tempestade e Paulo, numa tranquilidade só”, contou. 

Ela ainda teve outra fonte de inspiração: suas aulas de Muay Thai, que acabou virando um dos principais núcleos da história. Aliado a isso, Paulo deu um plus no argumento, fazendo valer toques de William Shakespeare em A Megera Domada, inspiração para o casal Perina, formado por Pedro (Rafa Vitti) e Karina (Isabella Santoni). Para completar, inspirado em Romeu e Julieta, também do dramaturgo inglês, nasceram as disputas entre os alunos da escola de artes de Nando (Leo Jaime) e os atletas da academia de artes marciais de Gael (Eriberto Leão).

Malhação Sonhos promete repetir sucesso do passado

Nada é por acaso

Emocionado com a reprise da novela, Eriberto Leão destacou que Malhação Sonhos mudou sua história na profissão de ator. Tanto que deu ao filho caçula o nome de seu personagem, Gael. 

“Estamos num momento diferente, após um ano tão conturbado. Essa novela não está sendo reprisada agora à toa. Nada é por acaso. Malhação Sonhos nos trará uma mensagem de esperança”, disse. 

A autora completou. 

“Diante do desmonte que estamos vivendo, a arte nos faz refletir”. 

Eriberto está ansioso para que seus dois filhos, João, de dez anos, e Gael, de três, assistam a novela com ele. 

“Gael tem 3 anos e 4 meses, por algum mistério nasceu gostado de luta... João tinha a idade dele quando a novela foi ao ar. Ele é muito fã de Cobra Kay, tenho certeza de que vai gostar”, disse, animado. 





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico