Imprimir

Notícias

20/08/2020 | 15h00m - Publicado por: Luigi Civalli | Foto: Reprodução/Instagram

Marina Ruy Barbosa rebate Walcyr Carrasco: ‘Não fui irresponsável’

Autor contou que ‘matou’ personagem da atriz, pois ela não quis cortar o cabelo

Marina Ruy Barbosa rebate Walcyr Carrasco: ‘Não fui irresponsável’ - Reprodução/Instagram

O assunto que vem à tona no mundo das novelas nesta quinta-feira (20) foi o fato de Walcyr Carrasco ter contado que ficou chateado com Marina Ruy Barbosa por não ter aceitado cortar o cabelo na novela Amor à Vida e não teve saída a não ser “matar” a personagem da atriz.

Walcyr confessa ter 'matado' personagem de Marina Ruy Barbosa após decepção

No entanto, Marina não ficou em silêncio e, em seu Twitter, rebateu as afirmações do autor.

“Depois de oito anos, ainda esse assunto. Nunca falei sobre isso e sei que o que não faltam são histórias bem distantes da verdade. Aproveitando a fala do Walcyr, ‘desisti’, pois o que tinha sido combinado e dito pra mim sobre a história, sobre a personagem, não foi feito”, iniciou Marina.

Ela ainda contou que nunca teve a oportunidade de falar com Walcyr Carrasco na época.

“Uma pena que na época não tive ‘acesso’ e não pude falar diretamente com o autor. Nunca nos falamos, nem no momento em que fui chamada pra novela, durante o trabalho ou depois de tudo. Uma pena não ter tido a chance de conversar e entender o que se passava na cabeça do Walcyr”.

Any Gabrielly quer receber dica de atuação de Marina Ruy Barbosa: ‘Seria uma honra’

Marina ainda contou que tudo foi conversado entre ela e a direção da emissora e que não teria sido uma decisão totalmente “irresponsável”.

“Do lado de cá, com as informações que eu tinha, de uma coisa estava certa: como atriz, não queria só o sensacionalismo. E como menina/mulher aos 17 anos, só valeria à pena se fosse pra tratar da doença com muito respeito e atenção, e fazer uma ação social sobre câncer linfático. Não foi uma decisão irresponsável, muito menos leviana. Após uma longa conversa com a direção da emissora da época, chegamos juntos a essa conclusão, de que não fazia sentido pela forma como tudo estava sendo tratado”, desabafou.

Marina ainda salientou que muita coisa mudou de lá para cá e admira a coragem que ela teve na época. “Admiro a minha coragem de questionar, de me arriscar e enfrentar tudo que aconteceu depois, mesmo há oito anos. Acho que muita coisa mudou de lá pra cá, e hoje ninguém é mais inacessível e essas hierarquias são tratadas de uma forma bem mais saudável nos ambientes de trabalho”.

Por fim, ela elogiou Walcyr Carrasco. “No entanto, possuo total respeito e admiração pelo trabalho do Walcyr, um autor que considero muito talentoso”.

Marina Ruy Barbosa mostra sex appeal em clique com decotão

O caso

Muito tempo depois (7 anos, para ser mais específico) Walcyr Carrasco finalmente confessou desapontamento com Marina Ruy Barbosa na novela “Amor à Vida”. Explica-se: a atriz interpretava personagem com câncer e precisaria raspar o cabelo em determinado momento. Só que na hora ‘H’ ela disse à direção que não cortaria suas madeixas.

Walcyr detalhou essa passagem:

"Quando ela aceitou o papel, tinha combinado que cortaria o cabelo. Tinha combinado verbalmente que cortaria quando aceitou o papel. Ela foi fazer o papel e a história [do corte] foi chegando. Ela não avisou com tanta antecedência que não ia cortar. Se tivesse avisado com muita antecedência, eu teria sabido orientar a história para outro lugar", disse à jornalista Marcia Pioversan.

“Quando fui notificado que Marina não ficaria careca, já havia escrito 30 capítulos com esse enredo. Na minha história, a personagem dela já estava à beira da morte. Não tinha mais jeito, porque eu teria que desfazer toda a história já escrita, o que não é o problema. Falaram: 'O Walcyr ficou com preguiça'. Não, não fiquei com preguiça", ressaltou.

"O trabalho não é só meu. Envolve a produção da novela, que já preparou cenário, já chamou os atores. Quer dizer, tem tanta coisa envolvida que não é uma coisa de: 'Volta atrás 30 capítulos e pronto'. Não. Então, não tinha jeito a não ser matar a personagem dela", se defendeu.

"O público hoje é muito informado. Todo mundo sabe a amplitude do câncer. Pela descrição que eu tinha dado, o tratamento quimioterápico acabaria com o cabelo [de Nicole]. Se eu não cortasse, ia ser um jogo duro. Não ia ficar verossímil. Então, o jeito foi matar. Foi o que eu fiz. Eu não sabia mais o que fazer", confessou.

A certa altura, Walcyr lembrou que foi avisado da negativa de Marina em cima da hora de gravar a cena do corte de cabelo:

"Foram cinco dias e eu tinha que mudar toda a história. Entendeu? Se tivessem me preparado um mês antes, existe um time de peruca americana, que é uma peruca que parece que a pessoa está sem cabelo. Então, teria dado para encomendar esse material. Mas pode ser feito com muita antecedência. E a gente não tinha isso para resolver de uma boa maneira", disse.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico