Imprimir

Notícias

14/04/2021 | 00h00m - Publicado por: Rita García | Foto: Reprodução/Instagram

Meghan Markle quer perdoar a família real

A Duquesa de Sussex teria decidido deixar de lado as diferenças com a realeza

Meghan Markle quer perdoar a família real - Reprodução/Instagram

Segundo o jornal Daily Mail, Meghan Markle, teria decidido 'perdoar' a família real após a morte do príncipe Philip. Uma fonte do palácio assegurou que ela 'quer colocar suas diferenças de lado' nesse momento difícil para todos. 

E embora a imprensa tenha comentado que a Duquesa de Sussex não foi autorizada por seu médico a viajar para o funeral do avô do Príncipe Harry, na verdade ela decidiu que não viajaria para o funeral porque 'não queria ser o centro das atenções'. 

"Meghan disse que sua principal preocupação agora é apoiar Harry... ela disse que deixou para ele decidir se compareceria ou não ao funeral. Meghan disse que é durante esses tempos que a família deve se reunir, colocar suas diferenças de lado e se unir. Ela afirmou que isso é o que o príncipe Philip iria querer e que ela está disposta a perdoar e seguir em frente.", contou o informante. 

E embora não exista nenhum comentário confirmado de Markle nesse sentido, Angela Levin, uma autora real criticou os supostos comentários dela: 

Em conversa com o The Sun, Levin comentou: 

"Acho surpreendente que alguém que foi membro da família real por um período muito curto de tempo tenha a audácia de pensar que será o centro das atenções em um funeral do homem mais extraordinário de 99 anos que foi marido da rainha por mais de 70 anos. Eu acho que você deve instintivamente sentar-se atrás e se você acha que vai [atrair atenção], não diga nada sobre isso. Você vem e fica muito quieta, senta no banco de trás e se veste de preto como mandam. Se você não quer ser o centro das atenções, fique quieta.", reclamou a mulher. 

Chegada

 

Segundo o jornal The Sun, o príncipe Harry já está no Reino Unido para se despedir de seu avô, o Príncipe Philip, que morreu dia 9 de abril, no castelo de Windsor. 

O Duque de Sussex viajou no domingo (11), desde Los Angeles, e chegou no aeroporto de Heathrow em Londres desembarcando de um voo da British Airways. 

A esposa Meghan Markle, que está na reta final de sua segunda gravidez não acompanhou o marido, e segundo um porta-voz do casal, supostamente seu médico não autorizou a viagem. 

Harry está seguindo os protocolos de proteção contra a Covid-19. 

Não se sabe se ele e Meghan Markle já foram vacinados nos Estados Unidos, o que poderia ser provável já que aquele país está bastante avançado em sua campanha de vacinação, e desde a semana passada começou a vacinar pessoas acima de 16 anos. 

Um porta-voz do Palácio de Buckingham não confirmou se Harry seguirá em isolamento até o funeral no sábado (17). 

Segundo a rede CNN en Español, de acordo com as regras do Reino Unido, os viajantes devem preencher um formulário de localização de passageiros e fornecer prova de um teste de coronavírus negativo antes de entrar no país. 

Uma vez na Inglaterra, os visitantes devem ser colocados em quarentena em casa por 10 dias ou em um hotel de quarentena gerenciado. Durante a quarentena obrigatória, dois testes covid-19 adicionais são necessários nos dias dois e oito, embora Harry poderia usar o sistema de 'prova de saída' do governo do Reino Unido para encerrar sua quarentena mais cedo, o que permite que uma pessoa faça um teste privado no quinto dia após a chegada para sair do auto-isolamento se o resultado do teste for negativo. 

Mas também existe uma autorização que permite o viajante sair do auto-isolamento em 'circunstâncias limitadas' como por exemplo, assistir ao funeral de um membro da família, parente próximo ou amigo.   

Enterro

O príncipe Philip será enterrado em um funeral privado na capela de São Jorge, em Windsor. Segundo o protocolo real, os funerais de estado são normalmente reservados aos monarcas, de modo que o funeral do duque de Edimburgo será semelhante ao da rainha-mãe em 2002, explicou um porta-voz.







Instagram

Instagram

OFuxico