Imprimir

Notícias

11/01/2020 | 11h30m - Publicado por: Raphael Araujo | Foto: Lucas Ramos/AgNews

Miá Mello se emociona em estreia de monólogo sobre maternidade

A atriz também foi prestigiada por diversos famosos

Miá Mello se emociona em estreia de monólogo sobre maternidade - Lucas Ramos/AgNews

A última sexta-feira (10) teve um evento muito especial na cidade de São Paulo: a estreia do monólogo Mãe Fora da Caixa, protagonizado por Miá Mello e direção de Joana Lebreiro.

A peça que teve uma temporada de sucesso no Rio, em 2019, aborda o desafio da maternidade, sob uma nova perspectiva, de maneira franca e não romanceada.

Diversos famosos foram prestigiar a artista em sua primeira noite, como foi o caso de Veridiana Toledo, Gorete Milagres, Juliana Araripe, Naiumi Goldoni, Evaristo Martins de Azevedo, Thaís Vilarinho, Fernando Muylaert e Guta Conrado.

Gorete Milagres foi prestigiar a estreia do monólogo de Miá Mello

Ao final da peça, Miá acabou se emocionando e chorando um pouco, tanto por ver o teatro lotado para conferirem sua peça quanto por se lembrar da filha por conta do tema, com a menina subindo ao palco para abraçar a mãe.

A filha de Miá Mello subiu ao palco ao final do monólogo

Entrevista ao OFuxico sobre a peça

Foi em uma antessala do Teatro das Artes, que Miá Mello recebeu nossa reportagem para um bate-papo mega descontraído, e não esconde a alegria de voltar a morar em sua terra natal.

“Eu vim para cá em agosto do ano passado, retornamos porque o meu marido veio trabalhar na cidade. Eu vivo na ponte aérea. Estou muito feliz, fiquei muito mais próxima às minhas amigas de infância, perto dos meus sogros que são pessoas muito gentis e carinhosas, meus filhos conviverem com eles tem sido uma experiência rica. No Rio era só meu marido e eu, não tínhamos família”, após viver seis anos na cidade maravilhosa.

Em seguida, ela tratou de falar um pouco mais do espetáculo em si.

“Estamos falando sobre dois temas latentes nessa peça: a maternidade e o seu pano de fundo, que é a mulher. No momento em que se fala bastante sobre empoderamento da mulher, como ela consegue viver esse dilema que é a vida moderna x maternidade? Falamos o tempo inteiro sobre os desafios da maternidade. A peça tem esse poder, uma força muito grande de conexão, porque fala de algo que está todo mundo repensando atualmente: o lugar da mulher. Uma reflexão sobre o papel do feminino na maternidade, na sociedade. Percebo o tamanho da potência que é esse espetáculo”, explicou ela, que falou também sobre o papel do humor no desenrolar da história.

Miá Mello em cena durante omonólogo Mãe Fora da Caixa

“O humor traz essa coisa descontraída, gera-se uma lente de aumento [sobre o tema], é muita risada. Mas, essa risada também traz uma reflexão muito grande. Tratamos do tema de uma forma leve, engraçada, irônica e emocionante. Nunca imaginei que essa peça fosse tocar tanto o público, no início achava que seria totalmente engraçada. No final as pessoas falavam: ‘Miá, chorei e ri a peça inteira’. Não era uma pretensão fazer chorar.... Contudo, é um tema passional. A maternidade é um tema curioso. É uma peça que há identificação, porque se eventualmente você não é mãe, é filha”, ressaltou.

Confira a entrevista completa

Miá Mello nos bastidores de Mãe Fora da Caixa

Retrospectiva

Quem nasceu em 2019

Quem morreu em 2019

Quem casou em 2019

Quem separou em 2019

 

O Brasil se despede de Gugu Liberato





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico