Imprimir

Notícias

15/11/2020 | 10h00m - Publicado por: Juliana Picanço | Foto: Reprodução/Instagram

O outro lado da fama: Veja as outras profissões dos famosos

As carreiras das celebridades antes da fama!

O outro lado da fama: Veja as outras profissões dos famosos - Reprodução/Instagram

Final do ano, época de vestibular… Quem nunca se viu na dúvida entre qual carreira seguir, não é? Com os famosos não é diferente.

Ao vermos as celebridades reconhecidas por suas habilidades artísticas como atuar, desfilar ou cantar, se torna difícil acreditar que elas poderiam se encaixar em outras profissões. A realidade é que muitos artistas que conhecemos optaram por investir em outras áreas, e acabaram se apaixonando pelas carreiras que seguem hoje no meio do caminho. 

Pensando nisso, o OFuxico selecionou algumas celebridades que mudaram de profissão ao longo da sua carreira antes de exercerem as profissões que exercem hoje. Será que você sabia de todas elas.

Iza

Um dos principais nomes da atual música pop brasileira, Iza vem batendo recordes a cada lançamento. Aos 27 anos e dona de uma voz poderosa, a jovem batizada Isabela Lima conta que para se consolidar no mercado usou muito do conteúdo aprendido no curso de Publicidade. Ela se formou em 2013 na Pontifícia Universidade Católica do Rio (Puc-Rio), onde garantiu uma bolsa de 100% graças ao ENEM.

“Eu sempre gostei muito de me comunicar, contar histórias e criar. E a publicidade foi um caminho para realizar essas coisas. Com certeza a faculdade me ajudou a ser a profissional que eu sou hoje, a traçar objetivos e alcançar metas. Meus pais não tinham condições de pagar uma faculdade, então ter tido uma bolsa que cobria todos os custos foi muito importante. Consegui garantir um ensino de qualidade e um respiro para os meus pais”, diz a cantora em entrevista ao Extra.

De cacheados à grisalhos: celebridades que assumiram os fios

Juliana Paes 

Apesar de nunca ter exercido a profissão, Juliana Paes é formada em Publicidade e Propaganda pela ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing). "O meu diploma só fica na parede", brincou em entrevista à revista "Caras".  Apesar disso, a atriz afirma que o aprendizado contribui na sua vida pessoal: "A Publicidade abre caminhos legais. E eu faço meu marketing o tempo todo", contou.

Ana Maria Braga

Ana Maria Braga revela que sonhou com Tom Veiga

Antes de iniciar a sua carreira na televisão e se consolidar como apresentadora, Ana Maria Braga se formou em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual Paulista, em São José do Rio Preto. Após a graduação, Ana partiu para São Paulo para fazer especialização na sua área,  até que conseguiu um emprego na extinta Tv Tupi para pagar os estudos, onde apresentou telejornais, shows e estreou em um programa feminino ao vivo. Tais acontecimentos acabaram revelando sua vocação para esse segmento, o que a motivou a estudar jornalismo e a tomar outros rumos em sua carreira.

Sandy

Em meio aos holofotes, Sandy conseguiu, no final da sua adolescência, cursar uma faculdade. Aos 26 anos, a cantora e compositora se formou em Letras na Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC -Campinas). Ela justificou a escolha do curso porque acreditou que o conhecimento adquirido seria útil para o seu trabalho como compositora, que já foi muito influenciado pela literatura com letras de músicas inspiradas em poemas. Apesar de não ter exercido a profissão, com o diploma em mãos, ela poderia atuar como professora, revisora de textos e com produção textual. 

Sandy e Junior relembram um ano de turnê Nossa História

Paolla Oliveira

Antes se tornar a atriz talentosa e prestigiada que é, Paolla Oliveira trabalhou como fisioterapeuta. A artista se formou na Universidade Cruzeiro do Sul e se especializou em reeducação postural global (RPG), além de ter exercido a profissão em hospitais, clínicas médicas e neonatais, asilos etc. Em entrevista ao ‘Vídeo Show’, a atriz revelou que escolheu esse curso porque “queria trabalhar com gente”. Além disso, em entrevista ao Gshow, Paolla contou que acha que as duas profissões tem muitos pontos em comum.

“Todo mundo acha que não tem nada a ver ser fisioterapeuta com ser atriz, mas uma profissão é tão sensível quanto a outra. Eu acho que a coisa mais legal de ser atriz é conseguir modificar a vida de alguém, ou fazer aquela pessoa pensar em algo novo. E a fisioterapia tem isso, a gente está sempre conversando e trabalhando para conseguir modificar a vida do outro para melhor. Às vezes, a pessoa consegue se movimentar e falar. Quando há uma melhora de vida, o paciente te envolve naquela história e na gratidão”, explica Paolla.

Paolla Oliveira relembra cliques em cachoeira

Suzana Pires

Além de atuar, Suzana também já foi autora de novelas da rede Globo. Nascida do Rio de Janeiro, a atriz estuda interpretação desde o 15 anos para se especializar como atriz. No entanto, aos 19 anos, Suzana ingressou na faculdade de Filosofia, na PUC-RJ, e revelou em entrevista ao Estadão que tomou essa decisão para aprimorar o seu conhecimento na dramaturgia e escrita, conseguindo se formar e inclusive atuar por alguns anos como professora nessa área. Ter estudado Filosofia, para Suzana, contribuiu com seus trabalhos como atriz e autora, condicionando sua mente para novas maneiras de pensar. 

Ricardo Tozzi

Antes de grandes papéis televisivos, Ricardo Tozzi se formou em Administração de Empresas pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e foi um executivo bem-sucedido, internacionalmente reconhecido. E foi bem no auge de sua carreira que teve um estalo: o ator percebeu que, mesmo obtendo o sucesso esperado em sua profissão, estava indo contra o seu interesse pessoal. Sendo assim, o ator passou a se dedicar à arte e se matriculou em um curso de teatro na Teatro Escola Macunaíma. A partir daí, estava completo! Depois de quatro anos de estudo, Ricardo tentou um teste e foi aprovado na Oficina de Atores da Tv Globo, abonando a sua carreira como executivo para se tornar ator. 

Carlos Machado

Recentemente de volta ao ar na reprise da novela Fina Estampa, Carlos Machado também tem outra profissão além de ator. O artista se formou em Odontologia e até hoje trabalha na área, atualmente morando na Califórnia, Estados Unidos. Hoje, o ator mantém uma empresa no Brasil que realiza marketing de rede e campanhas publicitárias, muitas delas para a área odontológica, dá assistência no consultório da irmã, que também é dentista, e continua trabalhando como ator, mas de outra forma: ele tem feito dublagens de séries e filmes, inclusive durante o período de quarentena.

"Primeiro eu queria ser atleta", conta Carlos, que chegou a ser campeão mineiro do vôlei, mas como não chegou à seleção mineira do vôlei, resolveu estudar outra coisa: "Aos vinte anos eu entrei para a faculdade de odontologia, ser artista sempre foi um sonho, mas eu morava no interior e era mais difícil. Mas depois que eu vim para o Rio de Janeiro, comecei a brincar com teatro", disse o artista em entrevista ao Gshow. 

Sabrina Sato

A Sabrina Sato tem uma longa experiência com o mundo da dança. Sabrina começou o curso de dança na Unidade Federal do Rio de Janeiro, mas não chegou a concluir os estudos. No entanto, a musa foi professora de balé, teve uma companhia de dança contemporânea e integrou o balé do programa “Domingão do Faustão” (Globo) antes de seguir com a carreira de apresentadora.

Em entrevista ao Terra, Sabrina contou que acredita que o ballet a ajudou muito a chegar onde está hoje.

“Desde que me entendo por gente a dança faz parte da minha vida e foi por meio da dança que me descobri, que me vi como comunicadora. Hoje, realizo um sonho de ser apresentadora, algo que imaginava desde os meus 5 anos, e tenho certeza de que a desenvoltura com o balé me ajudou muito”, contou. 

Sabrina Sato ainda se recupera do coronavírus e manda recado

Flávia Alessandra

Fátima é advogada e garantiu o título de advogada ao passar no exame da OAB. A loira abriu um escritório e até trabalhou no ramo, até se formar como atriz. Desde 1989 ela vem se dedicando apenas a carreira na televisão, com mais de novelas e inúmeras séries. Além disso, a atriz também chegou a cursar jornalismo por três anos na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), mas desistiu. 

 

Fátima Bernardes

Fátima Bernardes entrou para o mundo do jornalismo em 1983, quando passou a escrever para o caderno de bairro do jornal O Globo. No entanto, o seu primeiro emprego foi bem longe das notícias. Aos 16 anos, ela começou a dar aulas de balé em uma escola de dança no Méier, bairro carioca onde morava com a família.

A apresentadora, que antes queria ser bailarina, se dedicou ao balé durante anos, mas quando começou a dar aula já sabia que não seria a dançarina que sempre sonhou. “Eu fiquei cinco anos dando aula de balé até começar a trabalhar com jornalismo. Meu primeiro emprego é inesquecível. É muito emocionante lembrar daquela fase", contou Fátima em entrevista para o Gshow

Fátima Bernardes homenageia Túlio em aniversário

Zezé Polessa

A veterana Zezé Polessa trocou o hospital pelo estúdio. A atriz formou-se em medicina em 1977 e trabalhou no ramo, se pós-graduando em medicina social. Antes de estrear na TV, em participação especial 1978, ela já havia atuado em peças de teatro. 

Zezé começou a atuar em peças de teatro e paralelamente a isso, cursava medicina. No decorrer da faculdade, Zezé percebeu que levava mais jeito para ser atriz, porque desmaiava ao presenciar a realização de cirurgias. Apesar disso, a atriz fez questão de finalizar os estudos e inclusive fez especialização na área.

Hélio de La Peña

Hélio foi um dos criadores do famoso grupo humorístico Casseta e Planeta. A ideia surgiu na mesma época em que ele cursava Engenharia de Produção. Formado, Hélio chegou a trabalhar na área, inclusive, ajudando a desenvolver o projeto da hidrelétrica de Itaipu, mas abandonou a profissão para se dedicar exclusivamente ao humor e seguir com o Casseta e Planeta.

 
E você? Já decidiu qual carreira vai seguir? 




Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico