Imprimir

Notícias

09/04/2021 | 13h40m - Publicado por: Rita García | Foto: Reprodução/Instagram

Presença dos Duques de Sussex no funeral do Príncipe Philip pode ser censurada

Não se sabe se o Príncipe Harry viajará ao Reino Unido

Presença dos Duques de Sussex no funeral do Príncipe Philip pode ser censurada - Reprodução/Instagram

Príncipe Harry já havia sido informado sobre o delicado estado de saúde do avô, o Príncipe Philip, mas para os especialistas da realeza, saber de sua morte foi algo muito forte para ele. 

Devido aos problemas familiares que enfrentaram com sua saída como membro-sênior da família real, não se sabe ainda se ele e a Duquesa Meghan viajarão ao Reino Unido para o enterro, que deve acontecer nos próximos dias, ou semanas. Esta semana uma expert afirmou que Harry sim planejava retornar à Inglaterra, porém Meghan faria o possível para evitar a viagem. 

O Príncipe Philip morreu sem saber da entrevista que Harry e Meghan haviam dado a Oprah Winfrey, colocando a família real em evidência com acusações de racismo e falta de apoio. A ideia era contar a ele o que estava acontecendo assim que ele se recuperasse de sua frágil saúde. Segundo a revista Hello! dizia-se que ele seria a única pessoa que poderia ajudar a resolver essa crise. 

A presença dos Duques de Sussex no funeral do Príncipe, poderia ser censurada pela própria Rainha Elizabeth II se assim ela decidisse. 

Harry e Meghan são vistos com indiferença e desconfiança por milhares de britânicos, porque se conhecem fatos que mostram que mentiram na entrevista; por exemplo, o suposto casamento secreto que até o cardeal do país negou que existisse, ou o fato de terem assinado contratos milionários para poder sobreviver sem o apoio financeiro da família real, quando sua saída da família foi supostamente porque foram impedidos de assinar um acordo monetário com a extinta plataforma Quibi. 

Por outro lado, não se compreende como ele, que fez campanha pela saúde mental e admitiu ter feito terapia para superar o trauma causado pela morte da mãe, deixou de prestar ajuda profissional à esposa. O Daily Mail notou também outra inconsistência na entrevista: Meghan alegou que as conversas sobre cor de Archie ocorreram quando ela estava grávida, enquanto Harry afirmou que foi antes do casamento. 

Outra contradição é sobre um possível título nobre para Archie. De acordo com o protocolo real, eles sabiam que Archie só será príncipe quando o avô, o Príncipe Charles seja rei. 

Embora os duques parecessem alinhados com essa ideia quando Archie nasceu, descobriu-se na entrevista que eles estavam atrás de um título para o filho, o que parece outra contradição. No futuro, ele poderia usar o título de Conde de Dumbarton, uma subsidiária do ducado de seu pai, ou ser um príncipe se seu avô Charles, sendo rei, quisesse. 

Morte anunciada

Um comunicado nas redes sociais da Família Real anunciou na manhã desta sexta-feira (09) a morte do príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth II. Ele iria completar 100 anos em junho deste ano. 

"É com profunda tristeza que Sua Majestade a Rainha anuncia a morte de seu amado marido, Sua Alteza Real, o Príncipe Philip, Duque de Edimburgo", disse o palácio em um comunicado. 

O príncipe estava no Castelo de Windsor, de acordo com o comunicado emitido pelo Palácio de Buckingham. 

"Novos anúncios serão feitos no devido tempo. A Família Real se une às pessoas ao redor do mundo em luto por sua perda."





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico