Imprimir

Notícias

12/03/2021 | 18h08m - Publicado por: Flavia Almeida | Foto: Reprodução/Instagram

Quilinhos a mais, medo de esquecer personagem… Elenco fala do retorno de Salve-se Quem Puder

Autor da trama escreveu dois finais para cada protagonista

Quilinhos a mais, medo de esquecer personagem… Elenco fala do retorno de Salve-se Quem Puder - Reprodução/Instagram

A partir do próximo dia 22, a novela Salve-se Quem Puder volta a ser exibida na Globo e no final da tarde desta sexta-feira (12), o elenco participou de uma coletiva on-line com a imprensa. Animados pelo fato inédito de assistirem suas cenas integralmente, já que não estarão gravando, os atores contaram várias curiosidades do retorno aos estúdios, ocorrido há três meses. 

“Confesso que tinha um pouco de medo de não saber mais fazer a Alexia, é uma personagem de bastante composição e foi só encontrar o João (Baldasserini) e a Grace (Gianoukas), a coisa veio automaticamente”, disse Deborah Secco. 

A atriz ressaltou a importância do trabalho neste período conturbado de pandemia. 

“Voltar a trabalhar foi muito importante para mim. Eu adorava fazer a novela e a gente interrompeu sem se despedir, sem se abraçar”, lamentou. 

Para Flávia Alessandra, a volta representou mudanças também físicas. A atriz, aos risos, contou que teve problemas com o figurino. 

“Engordei 5 quilos e não entrava no figurino, várias roupas não fechavam e essa era a minha maior preocupação. O Fred (Mayrink, diretor da trama) me protegeu, disse. 

A atriz lembrou ainda que, ao ser comunicada sobre a interrupção da novela, achou que era brincadeira do autor. 

"Eu estava com as minhas filhas quando o Daniel (Ortiz) me ligou e eu achei que era uma pegadinha. Ele falou que eu tinha que gravar umas cenas porque a novela ia parar. São 32 anos de Globo e eu nunca parei uma novela, mas achei providencial quando a Globo parou para proteger os funcionários." 

Juliana Paiva disse: “Minha última cena foi com uma arma na cabeça e ficava na expectativa de saber pra onde a personagem iria. A pandemia veio deum jeito que a gente não esperava e foi muito estranho voltar, tive que aquecer o motor de novo. Encontrar sem dividir o camarim com as meninas, sem encontrar nos corredores...” 

Vitória Strada contou que é outra pessoa desde que começou a interpretar a Kira. 

“Minha namorada (a atriz Marcela Ricca) diz que conheceu a Vitória antes da Kira e sou outra agora. Eu não sabia fazer comédia, aprendi nesta novela e agora faço piada fácil, apesar de tudo o que estamos vivendo”, disse.

Deborah Secco ostenta decote rosa e arranca suspiro de fãs
Murilo Rosa: ‘Se o mundo fosse comandado pelas mulheres, nós estaríamos muito melhor’

 

Sem coronavírus e com dois finais

O autor Daniel Ortiz preparou dois finais para cada um de seus 29 personagens. E só decidirá qual será exibido de acordo com a condução da trama no ar. 

“A decisão de fazer finais diferentes foi boa para ver a novela no ar e ainda ter poder de decisão”, afirmou. 

Ele decidiu também não abordar a Covid-19. 

“A decisão foi tomada em junho quando estávamos vivendo o pior momento da pandemia. Achei melhor focar no romance, já que entramos no ar após o noticiário, já tão recheado de informações pesadas sobre isso”.





Notícias Relacionadas

10/03/2021 | 08h21m - Soninha Vieira, colaboração para OFuxico

Juliana Paes afirma: ‘Gosto da autenticidade de Juliette, doa a quem doer’

10/03/2021 | 07h05m - Ester Jacopetti, colaboração para OFuxico

‘Quero protegê-la da melhor forma possível’, diz João Figueiredo sobre Sasha



Instagram

Instagram

OFuxico