Imprimir

Notícias

11/08/2020 | 18h28m - Publicado por: Caroline Huertas | Foto: Reprodução / Instagram

Rafinha Bastos levou 25 policiais à casa de PC Siqueira

Apresentador fez revelações sobre polêmica envolvendo o amigo

Rafinha Bastos levou 25 policiais à casa de PC Siqueira - Reprodução / Instagram

PC Siqueira viu seu mundo virar de pernas para o ar este ano. Isso porque ele foi envolvido em uma polêmica bem pesada sobre pedofilia, quando supostamente foi vazada uma conversa sua com uma mulher que lhe mandava fotos de uma criança de seis anos nua e ele contava o fato para um amigo. 

O youtuber afirma que não é ele nos prints, que isso é uma notícia falsa, que o vídeo é montagem e que é uma articulação criminosa feita para prejudicar sua imagem. Ainda não há nenhuma resposta oficial de investigação. 

Mesmo assim, a repercussão do caso foi bastante destrutiva e PC Siqueira chegou até mesmo a publicar stories misteriosos em seu Instagram que o público entendeu como uma carta suicida.

PC Siqueira apaga canal no YouTube

Rafinha Bastos, que trabalhou com o influenciador no programa Ilha de Barbados, do Youtube, começou a se preocupar com a saúde mental do amigo, principalmente porque, no mesmo dia da tal publicação, ele tinha se manifestado publicamente sobre o caso e repudiado a atitude de PC, caso fosse ele mesmo o autor daquelas mensagens vazadas. 

Em entrevista recente para o Flow Podcast, Rafinha Bastos revelou que o youtuber chegou a tirar satisfações com ele após as críticas feitas em vídeo e que o apresentador confessou ter ficado bravo com a possibilidade de tudo aquilo ser verdade, porque não queria 'passar pano' para um crime daqueles - apesar de ter medo também de condenar PC por algo que ele não teria cometido. 

"Eu estava put* só com a possibilidade, eu nem sabia se era verdade ou mentira, mas só a possibilidade... (...) E eu falo de tudo, eu falo de todos, eu sacaneio todos... E não vou falar de algo que está acontecendo aqui no meu jardim? Eu precisava me posicionar. E não é nem porque eu estava sendo pressionado pelo público. Mas eu sentia que precisava falar o que eu estava sentindo", começou. 

"Depois disso, o PC me ligou. Eu tinha medo de ele me ligar e contar tudo, assumir tudo. (...) Eu falei para ele: 'Cara, tudo o que você falar para mim agora, eu não vou guardar para mim, eu vou delatar'. Eu tinha medo de ele me admitir um monte de merd* e eu não ia querer morrer com isso", acrescentou. 

Rafinha Bastos faz crítica envolvendo Bruno Gagliasso na web

"Ele ficou muito louco quando eu fiz o vídeo. Ficou put*, mas eu disse: 'Eu só estou tentando ser humano. Você fala as coisas que você sente o tempo inteiro, e eu estou falando o que eu sinto", justificou. 

Porém, logo depois dessa conversa, PC fez as postagens preocupantes em seu Instagram. 

"Ele postou: 'Se você quer escuridão, eu faço a chama se apagar'. Pensei: 'Ah, o filho da put* vai se matar no dia que eu postei o vídeo' (...) E mais: vai se matar e eu vou ser o 'cara que empurrou ele da janela' ", relembrou. 

Como PC Siqueira já tem histórico de depressão, Rafinha Bastos ficou preocupado e começou a temer pela vida do colega. Tanto que resolveu ir à casa dele com 25 policiais para evitar que o pior acontecesse. 

"Eu não quero ser o cara que 'empurra ele da ponte', que não atende o telefone 2h30 da manhã e ele se mata 2h45 e depois pensa: 'Puts, uma palavra minha podia ter salvado a vida do cara' (...) Eu tinha muito medo de ele cometer o suicídio. Então, eu falei: 'Cara, eu não quero que você faça nenhuma merd*' ", contou. 

Rafinha Bastos sobre Regina Duarte: ‘Mulher e governo doentes’

"O que eu fiz? Fui para a porta da casa do cara. Chamei a polícia, falei: 'Vou arrombar a porta do cara'. Não é nem para me salvar, mas é porque chegou a um nível extremo que eu achei que meu 'empurrão' iria fazer com que o cara se matasse. Pensei primeiro nele, obviamente, mas também em mim, porque não queria sofrer a vida inteira pensando que eu fui o empurrão", desabafou. 

"Então fui na portaria do cara com 25 policiais. A policial ligou na casa dele, ele falou que estava tudo bem. Aí não tinha o que fazer, porque não podiam entrar na casa dele se ele estava dizendo que não tinha problema algum e que ele estava bem", concluiu. 

Rafinha também afirmou que não tem mais contato com PC Siqueira hoje em dia e que não sabe como ele está, nem como o caso se desenrolou na Justiça. 

Confira a entrevista completa: 





Notícias Relacionadas

17/06/2020 | 08h31m - Flávia Almeida

PC Siqueira apaga canal no YouTube

03/06/2020 | 14h00m - Giovanna Prisco

Rafinha Bastos critica estilo musical e é detonado



Instagram

Instagram

OFuxico