Imprimir

Notícias

03/05/2019 | 10h29m - Publicado por: Giovanna Prisco | Foto: Reprodução/Instagram

Relembre a trajetória de Antunes Filho

Diretor de teatro morreu na última quinta-feira (2)

Relembre a trajetória de Antunes Filho - Reprodução/Instagram

Antunes Filho é considerado como um dos principais nomes do teatro nacional.

O diretor morreu na última quarta-feira (2), após descobrir um câncer de pulmão em estágio avançado.

Na juventude, ele chegou a entrar na Faculdade de Direito da USP, mas desistiu do curso para estudar artes dramáticas.

Sua estreia no teatro aconteceu em 1953 com a peça Week-end, de Noel Coward.

Em 1958, Antunes Filho fundou a companhia Pequeno Teatro de Comédia e dirigiu o espetáculo O Diário de Anne Frank.

Nos anos 60, ele encenou A Falecida, sua primeira peça de Nelson Rodrigues. Foi com a sua versão de Macunaíma, em 1978, que sua carreira como diretor ganhou o maior prestígio.

Com o apoio do Sesc, criou Centro de Pesquisa Teatral (CPT), escola de formação e grupo permanente, que dirigiu até a sua morte.

Entre os espetáculos que criou está Trono de Sangue, baseada na peça Macbeth, de William Shakespeare.

Em 1999, Antunes montou a tragédia grega Fragmentos Troianos, adaptação de As Troianas, de Eurípedes.

O artista dirigiu para o cinema uma única vez, com o filme Compasso de Espera, de 1973.

Sua busca pela perfeição deu a Antunes Filho a fama de diretor muito exigente.

Famosos lamentam morte de Antunes Filho
Morre o diretor de teatro Antunes Filho





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico