Imprimir

Notícias

19/03/2021 | 07h22m - Publicado por: Luigi Civalli | Foto: Grosby Group

Rihanna compra mansão de R$ 76 milhões e será vizinha de Madonna

Mariah Carey e Paul McCartney também moram na mesma rua em Beverly Hills

Rihanna compra mansão de R$ 76 milhões e será vizinha de Madonna - Grosby Group

Mesmo em meio à pandemia do coronavírus, Rihanna está de mudança. A cantora comprou uma mansão em Beverly Hills pelo valor de US$ 13,8 milhões (R$ 76,7 milhões) na mesma rua que Paul McCartney, Mariah Carey e Madonna.

A casa de cinco quartos inclui sete banheiros, está localizada em um beco sem saída isolado e exuberante nas montanhas e foi originalmente construída em 1930, apesar de já ter passado por algumas reformas.

Rihanna compra mansão de R$ 76 milhões

A residência ainda inclui um pátio central ao ar livre com terraço, piscina, spa e várias fogueiras.

No interior, a cozinha está repleta de superfícies de mármore, duas ilhas e acessórios de latão.

A compra da mansão ocorre uma semana após a notícia de que Rihanna estaria expandindo ainda mais seu império de moda e beleza para incluir uma linha de produtos para os cabelos sob o nome de Fenty Hair.

Rihanna compra mansão de R$ 76 milhões

Rihanna compra mansão de R$ 76 milhões

Rihanna compra mansão de R$ 76 milhões

Adele e Rihanna têm os singles mais vendidos do Reino Unido

Empresa de Rihanna fechará as portas provisoriamente

Fenty, liderada pela diretora criativa Rihanna, se tornou em três anos uma marca de poder, segundo revela a revista Women's Wear Daily. A marca conquistou seu lugar por levar diversidade no mundo dos cosméticos com a Fenty Beauty e a Fenty Skin até revolucionar as apresentações nas passarelas com as lingeries Savage X Fenty. 

De acordo com a publicação, Rihanna fez com que o resto da indústria procurasse ver o que estavam fazendo. 

Expandindo ainda mais para dentro da indústria fashion em 2019, a Fenty fez história ao se transformar na primeira marca do conglomerado com mais de 76 marcas, LVMH (LVMH Moët Hennessy • Louis Vuitton) a se aventurar ao ser liderada por uma mulher negra. 

Entretanto, em um depoimento à WWD, Rihanna e a LVMH anunciaram que a Fenty - na sua forma fashion, pelo menos - estará fechando as portas no futuro próximo, devido às complicações e restrições da Covid-19. 

"Rihanna e a LVMH tomaram a decisão de adiar a atividade da RTW, baseada na Europa, até ter melhores condições", avisa um comunicado. 

Embora as razões específicas não tenham sido reveladas, a pandemia do coronavírus poderia ser um fator, já que Rihanna está em Los Angeles e a produção da marca e as equipes de design estão, em sua maioria, em Paris. 

Rihanna gosta de ser ativa na criação de suas coleções, geralmente viajando para ver os fornecedores de tecidos ela mesma e até aprendendo o processo da fabricação das roupas. Além dos fatores relacionados à pandemia, as restrições de viagem certamente transformaram tudo em algo mais difícil ainda. 

E por conta disso, a Fenty decidiu dar um tempo em suas atividades, e terá de fechar sua sede de Paris. O Instagram da Fenty já está visivelmente mais quieto nos últimos meses, sem anunciar novidades desde novembro de 2020. A revista também acredita que o site fenty.com sairá do ar nas próximas semanas. 





Notícias Relacionadas

09/03/2021 | 20h50m - Flávia Ávila

Videoclipes de Madonna ganham versões em alta qualidade

07/03/2021 | 04h00m - Rita García

Mariah Carey é processada pelo próprio irmão



Instagram

Instagram

OFuxico