Imprimir

Notícias

08/03/2021 | 19h15m - Publicado por: Rita García e Flávia Ávila | Foto: Reprodução/Instagram/YouTube

Serena Williams chama Meghan Markle de 'corajosa'

A tenista é amiga dos duques de Sussex e se emocionou com a entrevista do casal

Serena Williams chama Meghan Markle de 'corajosa' - Reprodução/Instagram/YouTube

Serena Williams está apoiando sua amiga Meghan Markle. Pouco depois da duquesa de 39 anos dar uma entrevista reveladora a Oprah Winfrey, que foi ao ar no último domingo à noite (7), a tenista foi ao Instagram compartilhar uma mensagem de apoio a sua amiga.

"Estou orgulhosa por você ter sido corajosa", Serena legendou seu post. "Eu sei que não é fácil. Vocês são fortes - você e Harry. Amo vocês. Adoro vocês. Sua amiga, S", escreveu.

"Meghan Markle, minha amiga altruísta, vive a sua vida - ela é um exemplo - com empatia e compaixão", Serena começou. "Ela me ensina todos os dias o que significa ser nobre. As palavras dela ilustram a dor e a crueldade que ela experimentou", disse.

Entrevista de Meghan e Príncipe Harry será exibida no Brasil

"Eu sei, por experiência própria, como é o sexismo e o racismo que as instituições e mídias usam para difamar as mulheres e as pessoas negras, para nos minimizar, nos quebrar e nos demonizar", a tenista continuou. "Devemos reconhecer nossa obrigação e acabar com a malícia, a fofoca e o jornalismo infundado. As consequências da saúde mental da opressão do sistema e a vitimização são devastadoras, nos isolam e, às vezes, são letais".

Em sua entrevista, Meghan comentou que o filho Archie não recebeu o título de Príncipe, devido à cor de sua pele. Ela revelou também que um membro da família real questionou o marido Harry sobre "quão escuro seria o bebê", o que deixou o príncipe impactado.

Os Duques de Sussex estão esperando uma menina.

Serena concluiu sua mensagem dizendo:

"Eu quero que a filha de Meghan, minha filha e a filha de vocês vivam em uma sociedade que seja governada pelo respeito. Tenham em mente que o fruto do espírito é o amor, a alegria, a paz, a bondade, a fé, a suavidade, o autocontrole. Não existe lei contra essas coisas".

Família Real Britânica mantém silêncio após polêmica entrevista de Meghan

Apresentadora acusa a Família Real de não apoiar Meghan Markle



Markle, que é afro-americana, disse que foi seu marido, Harry, que lhe contou sobre as preocupações de sua família sobre o tom de pele de Archie, bem como a segurança a que ele teria direito, antes de seu nascimento em 6 de maio de 2019.

“Quando eu fiquei grávida do Archie, houve preocupações sobre quão escura seria a pele do nosso filho”, afirmou Meghan.

“O que?”, indagou a apresentadora.

“Vou evitar falar o nome, porque isso pode ser muito danoso. Naqueles meses em que estava grávida tivemos uma série de conversas sobre 'ele não teria segurança, ele não teria título' e também preocupações e conversas sobre o quão escura sua pele ficaria quando ele nascesse", revelou a atriz.

Meghan, contudo, elogiou a rainha Elizabeth II. “Ela sempre foi maravilhosa comigo”, garantiu.

Harry, por sua vez, disse que se sentiu decepcionado com seu pai, o príncipe Charles, e que sua falecida mãe Diana teria ficado zangada e chateada com a forma como a família real britânica tratou sua esposa.

"Eu me sinto muito desapontado porque ele passou por algo semelhante. Ele sabe como é a dor. Eu sempre vou amá-lo, mas muitas mágoas aconteceram", afirmou.

Rainha Elizabeth II passa por 'colapso' na Família Real

Harry disse que ele não teria se afastado da família real se não fosse por Meghan, porque "estava preso, mas não sabia que estava preso". Ele disse ainda que a companheira o salvou.

Meghan Markle afirmou ainda que Kate Middleton a fez chorar e que se sentia infeliz na Família Real, chegando a pensar em suicídio.

"Eu simplesmente não queria mais estar viva. E esse era um pensamento constante, muito claro, real e assustador.







Instagram

Instagram

OFuxico