Imprimir

Notícias

05/03/2021 | 12h05m - Publicado por: Ester Jacopetti, colaboração para OFuxico | Foto: Divulgação/@euthiagobruno

Thelma Assis sobre adoção: ‘Dei o primeiro passo na fila’

Ex participante do BBB, bateu um papo exclusivo com OFuxico

Thelma Assis sobre adoção: ‘Dei o primeiro passo na fila’ - Divulgação/@euthiagobruno

Thelma Assis, vencedora da última edição do BBB20, da TV Globo, se entrega de corpo e alma àquilo que acredita, àquilo que ela quer. E neste momento de renovação, a doutora que tem uma agenda lotada, por conta de trabalhos e até mesmo sua dedicação em Manaus na luta contra a Covid-19, conversou com exclusividade com o OFuxico sobre sonhos, uma palavra pequena, mas que representa muito em sua nova fase de vida.

Adoção

Presente nas redes sociais, Thelma postou recentemente uma frase inspiradora: Siga seus sonhos, e perguntamos pra ex-BBB, quais são esses sonhos.

“São muitos sonhos, mas neste momento, o da maternidade. Dei o primeiro passo na fila de adoção, que sempre foi uma vontade minha. É um processo longo e demorado. Eu também quero ser mãe biologicamente, mas esse ainda eu vou esperar mais um tempinho. Estou planejando congelar meus óvulos para poder seguir com esse outro sonho no momento certo”, respondeu.

Thelma Assis conversou com a reportagem de OFuxico

Bem Estar 

Confortável na posição em que ocupa atualmente, apresentando o Bem Estar aos sábados na Rede Globo, recebendo inúmeros convites para campanhas publicitárias, Thelma colhe os bons frutos de sua participação no reality show que aconteceu há um ano.

“Sou muito grata por todas as oportunidades que surgiram na minha vida, principalmente pós BBB. É uma alegria integrar o time de apresentadores do Bem Estar. Sempre tive meu lado comunicadora muito aflorado e poder aliar isso a minha outra paixão, que é a medicina, levando informações às pessoas de uma maneira mais leve, é muito gratificante.”

“Me sinto muito honrada por poder trabalhar com tantas marcas incríveis e ao lado de tantas pessoas que admiro. Sentia muita falta de representatividade quando era mais nova nas marcas, sobretudo as de beleza. Hoje, esse cenário vem se alterando. Ainda temos um caminho a percorrer, mas, sem dúvida, é uma evolução ver estereótipos reais estampando campanhas e fugindo daquele padrão que crescemos acostumados a ver”, desabafou. 

Investimentos

Preocupada com o futuro, Thelma soube aproveitar o dinheiro do prêmio e procurou investir. 

“Venho de uma realidade dura. Por muito tempo, sobrevivia do auxílio que eu tinha na faculdade, com dinheiro contado para todas as responsabilidades estudantis e da vida adulta. Quando me formei e as condições financeiras começaram a melhorar, passei a me preocupar em ter uma quantia guardada para emergências. Com o prêmio do reality, resolvi buscar uma consultoria financeira e entender a melhor forma de fazer meu dinheiro render, através de investimentos. Não queria que esse valor acabasse, então quitei apenas algumas dívidas pontuais de quando entrei no BBB e o restante foi totalmente aplicado. Não mudei tanto o padrão de vida que eu já levava, achei importante agir com consciência e ir colhendo os frutos através do meu trabalho também”, explicou. 

Manaus

Atuante na linha de frente contra covid-19, sua participação foi num momento crucial, não só para Manaus, mas para o país que atravessa uma fase que chega perto do colapso nos leitos públicos. 

“Desde que saí do BBB, procurei me atualizar sobre a situação e passei a usar minhas redes sociais para informar e orientar as pessoas. Eu também tento me engajar em campanhas voltadas para saúde, como para saúde da mulher e do homem, saúde mental, entre outros temas", disse.



"Quando vi a situação do colapso em Manaus, procurei maneiras de ajudar também. Estive atuando na campanha de compras de cilindros e outros insumos, mas como médica sentia a necessidade de também ir para a linha de frente. Então, fui para lá e trabalhei por dez dias no Hospital 28 de Agosto, que é um dos hospitais referências no combate a covid-19 por lá. Recentemente entrevistei para meu canal no YouTube a diretora da OMS, para nos atualizar e conscientizar sobre a situação atual da doença no país e como devemos agir nesse momento”, continuou.

BBB

Dentre variados assuntos, é claro que não podíamos deixar de perguntar sobre BBB, afinal ninguém melhor do que a própria ex participante pra falar sobre como é ficar confinada em uma casa com pessoas que não te conhecem e pior ainda, após viverem um ano de pandemia.

“O BBB é um jogo que mexe muito com nossas emoções, sentimentos, convicções e que nos faz analisarmos e questionarmos a nós mesmos. As pessoas que estão lá agora, já vinham de um período de confinamento por conta da pandemia, onde as questões emocionais também sofreram mudanças. Lá dentro é tudo muito intenso. Acredito que em algum momento eles vão conseguir refletir melhor sobre tudo o que eles estão vivendo, sobre empatia e convivência e o jogo vai dar uma mudada”, explicou.

“Sou contra a política do cancelamento. Acredito que sim, temos que cobrar quando as pessoas não têm atitudes legais, mas há maneiras de fazer isso. Não é xingando, ameaçando ou fazendo coisas nesse sentido. Temos que lembrar que acima de tudo, o respeito deve prevalecer e nas redes sociais também existem leis. Sobre deixar de seguir uma pessoa que tem pensamentos e atitudes que vão contra o que você acredita, é a coisa mais sensata a se fazer. Você não precisa consumir aquilo, mas também não tem o direito de ofendê-la”, explicou sobre a cultura do cancelamento.

Projetos

Engajada, Thelma faz parte de um projeto no Youtube conhecido como Fundo Vozes Negras, e também já está envolvida com novos trabalhos, o que inclui o sonho de construir uma ONG para ajudar as pessoas mais carentes. “Eu me sinto muito feliz e honrada com o convite do YouTube para participar desse projeto, que é tão importante e um incentivador para youtubers que estejam começando e precisam fortalecer seus canais”. 

“Estou preparando a segunda temporada do programa Triangulando no meu canal no YouTube, tem um outro projeto audiovisual em parceria com o UOL a caminho, entre outras coisas. No campo da medicina, tenho o sonho de criar uma ONG para ajudar pessoas carentes a realizarem as cirurgias que necessitam. Ainda estamos em fase de estudo para entender como viabilizar esse projeto. Vai vir muita coisa legal em 2021”, concluiu.





Notícias Relacionadas

05/03/2021 | 12h00m - Leandro Lel Lima, colaboração para OFuxico

Stênio Garcia relembra Nicette Bruno: ‘Não caiu a ficha, ela está presente em nós’

05/03/2021 | 08h00m - Ester Jacopetti, colaboração para OFuxico

Karen Junqueira sobre campanha contra a violência infantil: ‘Impactar’

04/03/2021 | 11h00m - Soninha Vieira, colaboração para OFuxico

Caio Castro sobre Porshe Cup: ‘Treinando para dar o meu melhor’



Instagram

Instagram

OFuxico