Imprimir

Notícias

06/10/2018 | 12h00m - Publicado por: Giovanna Prisco | Foto: Reprodução/Instagram/@tinaturner

Tina Turner revela que já pensou em suicídio

Cantora também comentou sobre problemas de saúde que enfrentou nos últimos anos

Tina Turner revela que já pensou em suicídio - Reprodução/Instagram/@tinaturner

Uma das lendas da música internacional, Tina Turner, está lançando neste mês My Love History (Minha História de Amor, em tradução livre), um livro de memórias onde ela fala do romance com Erwin Bach, seu atual marido.

Na última sexta-feira (5), o jornal Daily Mail publicou um trecho da obra, em que Tina relata os problemas de saúde enfrentados nos últimos anos.

A cantora contou que em 2013, três meses após o seu casamento, ela sentiu como se um raio tivesse atingido sua cabeça e o lado direito do corpo.

Levada ao hospital, ela descobriu que havia sofrido um derrame. Com pressão alta, a cantora hoje com 78 anos, precisou tomar medicamentos fortes que acabaram afetando os seus rins.

Meses depois, um outro susto: os médicos descobriram que a diva sofria de câncer no intestino, e ela precisou remover um pedaço do órgão.

A nova cirurgia forçou ainda mais os rins da artista, que funcionavam apenas com 20% da capacidade normal.

Tina recebeu duas opções dos médicos: diálise regular ou um transplante.

“Somente um transplante me daria uma boa oportunidade de levar uma vida normal. Mas as chances de conseguir um doador eram remotas. Aquela não era minha ideia de vida. Mas as toxinas no meu corpo estavam tomando conta de tudo. Eu não podia comer. Eu estava sobrevivendo, mas não vivendo”, lamentou ela.

Sendo assim, Tina começou a contemplar a ideia de suicídio, já que a prática é legal na Suíça, país onde vive.

“Eu comecei a pensar na morte. Se os meus rins estavam parando e era hora de eu morrer, eu poderia aceitar isso. Eu não me importava em morrer, mas preocupava em como eu iria morrer”, contou ela.

Inconformado com a ideia, Erwin decidiu doar seu rim para a esposa.

“Ele me deixou chocada. Ele disse que queria me dar um de seus rins. Fiquei surpresa pela enormidade da oferta. E por que eu amo Erwin, a minha primeira resposta foi tentar que ele desistisse de dar um passo tão sério e irreversível”, disse.

O transplante aconteceu em abril de 2017, após os dois passarem por uma série de exames.

"Estava mais preocupada com ele. O melhor momento foi quando Erwin entrou no meu quarto em uma cadeira de rodas. De alguma forma, ele conseguia parecer bem, e me saudou com um enérgico oi, querida”, confessou Tina.

Erwin se recuperou bem, mas a cantora ainda enfrenta altos e baixos com o novo órgão.

"Meu corpo fica tentando rejeitar o novo rim, e eu tenho que tomar doses fortes de imunossupressores para enfraquecer meus anticorpos e evitar que eles ataquem um órgão que não reconhecem”, contou.

Filho de Tina Turner estava passando por depressão
Filho de Tina Turner comete suicídio
Musical de Michael Jackson pode render lucros absurdos
 





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico