Imprimir

Notícias

16/12/2019 | 01h21m - Publicado por: Flávia Cirino | Foto: Roberto Filho/Brazil News

Troféu Domingão: Juliana Paes e Jesuíta Barbosa são os melhores atores de novelas de 2019

Adriana Esteves e Marilia Mendonça venceram, mas não foram à premiação

Troféu Domingão: Juliana Paes e Jesuíta Barbosa são os melhores atores de novelas de 2019 - Roberto Filho/Brazil News

Em sua 24ª edição, o Troféu Domingão - Melhores do Ano, consagrou Juliana Paes e Jesuíta Barbosa como melhor atriz e melhor ator de novelas, respectivamente, no ano de 2019. A premiação, realizada na noite de domingo (15) no Domingão do Faustão destacou 15 categorias. Os artistas foram indicados por funcionários da TV Globo e votados pelo público de casa.

Emocionada por ganhar o prêmio pela primeira vez, após várias indicações, Juliana Paes chamou a atenção para o cuidado que se deve ter ao torcer por um ou outro numa disputa.

"Competição é um saco. Parem com isso de achar que vamos nos brigar, parem de fazer isso com a gente em troca de likes e engajamento nas redes sociais", pediu.

A atriz levou o prêmio por sua atuação como a protagonista Maria da Paz, de A Dona do Pedaço. E acredita que veio na hora certa. Vale lembrar que quando foi a Bibi Perigosa, em A Força do Querer, ela perdeu o prêmio para Paola Oliveira, que vivia a policial Jeisa. Na época, as opiniões se dividiram, já que muitos achavam - e ainda acham - que aquele fora o grande personagem de Juliana. Questionada, ela apaziguou.

"Sinto um desconforto. Conforme as redes sociais foram percebendo que essas coisas rendiam curtidas, apareceu essa onda louca de algoritmos, surgiram enquetes de quem é melhor que quem, quem isso, quem aquilo. Pode ser legal pra quem faz. Pra mim, não.  E quanto  mais jovens são os envolvidos, mais frágeis são. Estou nessa batida há 20 anos, já estou vacinada. Não caio na pilha. O Troféu Domingão veio quando tinha que vir".     

Disputando a categoria Ator de Novelas com Reinaldo Gianecchini e Malvino Salvador, Jesuíta Barbosa levou a melhor, por sua atuação como Jerônimo Guerreiro, em Verão 90.

"Tudo o que a gente faz é em equipe e fiquei bastante contente em ter aprendido bastante com o Jorge Fernando. O tempo de comédia dele, tudo o que que nos passou. Dedico esse prêmio a ele, que bravamente dirigiu Verão 90", disse.

A categoria Jornalismo teve Sandra Annemberg, Renata Vasconcelos e Maju Coutinho como indicadas. A vitória ficou com a aparesentadora do Jornal Hoje. Em seu agradecimento, Maju exaltou sua força.

"Quanto mais levo porrada, mais se faz necessária a minha presença", disse ela.

Maju se referiu às muitas críticas que recebeu logo que assumiu o telejornal das tardes da Globo. A jornalista ainda afirmou que seu vestido amarelo foi uma homenagem à menina Maria Alice, cujo vídeo viralizou nas redes sociais. A menininha aparecia diante da TV, emocionada pelo fato de Maju ter o cabelo como dela e usar um vestido amarelo, também como ela.

"Eu não tinha em quem me espelhar, na infância. Essa é minha homenagem à Maria Alice. Vim vestida pra ela."

Primeiro ex-participante do Big Brother Brasil a vencer uma categoria do Troféu Domingão, Kaysar Dadour foi um dos mais aplaudidos pela plateia. O personagem Fause, de Órfãos da Terra, garantiu a elel o prêmio de Ator Revelação de 2019.

"O Brasil me deu muito mais do que eu esperava.

A atriz Revelação foi Glamour Garcia. A intérprete da Britney, de A Dona do Pedaço, que concorreu com Nani People e Carol Garcia, era a emoção personificada.

"Agradeço demais à Nossa Senhora Aparecida. Sempre tive muita fé e essa luz me trouxe até aqui. A estatística de vida das transexuais ainda é curta. Elas são assassinadas. Estar aqui hoje com a Nani é a prova de que não somos só capazes. Somos felizes!", disse.

Sergio Guizé foi o ator cordjuvante de 2019, por sua atuação como o Chiclete. E disse se surpreendeu com o papel.

"O personagem merecia. O Chiclete estava na boca do povo e até eu fiquei espantado. É mais um degrau da caminhada."

Na pele de Nana, em Bom Sucesso, Fabíula Nascimento garantiu o troféu Domingão como Atriz Coadjuvante. E vibrou.

"Eu realmente não esperava, fiquei muito emocionada e feliz. Estar nessa novela que fala de leitura, de transformar, uma leveza com empatia e compaixão, é maravilhoso. Trabalho aqui há dez anos e este ano ter sido indicada pelos meus colegas é um grande prêmio", afirmou.

Ausências sentidas

Grávida de quase nove meses, Marília Mendonça não foi à premiação. Ela era indicada com Ivete Sangalo e IZA na categoria Cantora do ano. E ganhou. Somente IZA estava no estúdio. Ivete entrou num link ao vivo, diretamente do Carnatal, o carnaval fora de época realizado em Natal. Esbanjando energia e seu habitual bom humor, a cantora contou que estava se apresentando há oito horas e meia!

Adriana Esteves, vencedora da categoria Atriz de Série, não foi por estar comemorando seu aniversário. Ela disputou o prêmio com Letícia Colin e Marjorie Estiano.

O pai do saudoso Gabriel Diniz representou o filho, indicado à música do ano com o hit Jenifer.

Confira aos vencedores:

Atriz de Novela - Juliana Paes

Ator de Novela - Jesuíta Barbosa

Jornalismo -  Maju Coutinho

Ator Revelação - Kaysar Dadour

Atriz Revelação - Glamour Garcia

Ator Coadjuvante - Sérgio Guizé

Atriz Coadjuvante - Fabíula Nascimento

Ator de série - Júlio Andrade

Atriz de série - Adriana Esteves

Comédia - Dani Calabresa

Cantor - Luan Santana

Cantora - Marília Mendonça

Música do Ano - Atrasadinha (Felipe Araújo e Ferrugem)

Ator mirim - João Bravo

Categoria Especial - Claudia Raia, Tony Ramos e Antônio Fagundes





Notícias Relacionadas

25/02/2020 | 14h49m - Raphael Araujo

Juliana Paes pretende tornar 2020 um ano de férias

24/02/2020 | 21h18m - Julia Teixeira

Carnaval 2020: Longe da folia, Juliana Paes curte Noronha



Instagram

Instagram

OFuxico