Imprimir

Notícias

12/11/2019 | 19h10m - Publicado por: Raphael Araujo | Foto: Reprodução/Instagram

‘Uma transformação está acontecendo’, diz Gloria Groove sobre inclusão LGBTQ+

Cantora e drag queen lançou nesta terça (12) seu novo EP Alegoria e o clipe da faixa Mil Grau

‘Uma transformação está acontecendo’, diz Gloria Groove sobre inclusão LGBTQ+ - Reprodução/Instagram

Fãs de Gloria Groove já podem comemorar! O misterioso EP Alegoria, prometido para este mês, foi lançado nesta terça-feira (12), às 0h, em todas as plataformas digitais.

Composto por quatro faixas, o projeto trata de diversos temas como pink money (dinheiro/renda do público LGBTQ+), desilusão amorosa, traição, complicações com a fama, entre outros, sempre com uma batida dançante e uma melodia envolvente.

Por se tratar de um projeto audiovisual, a faixa de abertura de Alegoria, Mil Grau, recebeu um clipe às 12h, que conta a história de uma rainha alegórica cujo universo tem o elemento do fogo como representante da liberdade de expressão, sexual e da dança. Após uma tempestade leva a esperança do povo dela embora, a mesma rainha ganha a missão de reavivar a chama do povo através da libertação em todos os seus sentidos.

“Eu estava muito inspirada pelo conceito de Ganja Burn da Nicki Minaj, que começa com um conto, e eu estava querendo fazer algo parecido há muito tempo. Quando defini que o clipe [de Mil Grau] seria dirigido pelo João Monteiro, que trabalhou comigo em Bumbum de Ouro, lembrei do fato de ele trabalhar comigo em uma faixa mais ‘quebradeira’, só que foi dentro do estúdio. Como eu queria fazer alguma coisa na natureza, comecei a pirar e há juntar essas duas coisas (um conto e a natureza), e como a música tem tema de fogo, liguei os pontos e cheguei nesta história”, explicou Gloria, em conversa com a reportagem de OFuxico.

“A brincadeira foi essa, fazer um vídeo cujo conceito é tão denso, quase cinematográfico, para uma música ‘de boa’, super gostosa, então a graça vem exatamente dessa dualidade de Mil Grau”, completou.

Outra faixa presente no EP é Magenta Ca$H, cujo principal chamativo é a parceria com a cantora Monna Brutal, na qual Gloria admira pela grande coragem.

“O processo criativo destas faixas já está acontecendo há pelo menos um ano e meio, e Magenta Ca$H era uma faixa que eu queria a participação de alguém, mas deveria ser uma pessoa que falasse do tema [pink money] bem e rimasse muito. Um dia, meu amigo Lucas Boombeat, do Quebrada Queer, me apresentou a Monna Brutal, e minha vida mudou depois desse dia. Na hora que eu a vi, me apaixonei e virei a fã número um na mesma hora, e mandei mensagem no Instagram no mesmo dia dizendo o quanto ela era sinistra e tudo que eu sonhei. Foi um choque a primeira vez que eu vi o jeito que a Monna rima e tem coragem de falar as coisas. Eu me achava corajosa até conhecê-la (risos)! Ela é a materialização da coragem que eu queria ter”, declarou a intérprete de Coisa Boa, antes de revelar que a parceira aceitou na hora participar e mandou a parte dela da música em 30 minutos.

Gloria também comentou sobre o quão feliz ficou em botar a Monna Brutal nos holofotes, e como é pessoalmente importante para ela tratar da questão travesti e trans.

“Para mim, botar a Monna nos holofotes é muito importante. Eu gosto muito de pautar essa questão dos recortes, afinal, eu tenho muito privilégio como homem gay e drag queen no mercado, enquanto as ‘manas’ travestis ainda são muito excluídas por conta do contexto muito transfóbico. Por conta disso, a reparação histórica que quero fazer é incluir pessoas travestis e trans no meu trabalho e no meu convívio, seja a Monna ali em um clipe, seja no meu ballet, é assim que consigo. Então, além de ser um tema relevante e falar do pink money (temática que eu queria tratar já faz um tempo), trazer a Monna para o holofote carrega toda essa importância”.

A cantora considerou um presente muito grande poder contar a história da Britney (Glamour Garcia) de A Dona do Pedaço por meio da música Só o Amor, parceria com Preta Gil, e ainda se tornou uma grande fã da novela.

“Quando a gente imaginou que teríamos a Glamour fazendo novela, a Linn [da Quebrada] fazendo Segunda Chamada, duas pessoas trans mostrando o preconceito que esse grupo sofre na Globo. Uma transformação está acontecendo e fazemos parte disso”, afirmou a drag queen.

Já a faixa Sedanapo contém um ritmo de reggae bem frequente, o que lembra muito o hit Brisa de Iza, grande amiga de Gloria. Porém, uma música não influenciou a outra, pois Sedanapo já foi feito há dois anos.

“Quando saiu Brisa, pensei: ‘É muito Sedanapo’! Como compartilhamos os mesmos produtores, pensamos muito parecidas, mas Sedanapo já existe há bastante tempo, e fui retomando minha paixão por essa faixa. Houve uma época em que não fiquei tão ligada com a música, mas sempre foi um xodó da minha mãe (Gina Garcia, que também é backing vocal do Raça Negra) e do Pablo Bispo, que compõe junto comigo, e eles sempre acreditaram em Sedanapo. Fui realmente me apaixonar por ela quando entrou no contexto do EP, ganhando um novo significado para mim, pois se tornou uma espécie de pausa dentro do projeto, para você parar e curtir mais tranquilamente. Visualmente, ficou um dos mais interessantes, o que vocês descobrirão depois”, revelou, além de deixar um mistério no ar.

Para finalizar, Gloria confirmou que as outras faixas receberão suas versões em vídeo até o final de novembro.

“A previsão é que todos os clipes sejam lançados até o final deste mês. Já vamos entrar em dezembro com Alegoria completo!”, finalizou.

Preta Gil e Gloria Groove lançam clipe Só o Amor. Confira!

Confira o clipe de Mil Grau abaixo!





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

  • #LeoDias chora em vídeo e explica textão postado em suas redes sociais. 🎥 @leodias
  • Gente como a gente! #MarinaRuyBarbosa garantiu umas coxinhas na bolsa (pequenininha!!!) ao sair da festa de Zoe.
📽: stories @hugogloss
  • Sucesso total! #Anitta se apresentou no Parque Madureira, no RJ, e afirmou ter sido o show mais emocionante de sua vida. 📽: @anittalizadora
  • Na saída da missa em homenagem a Gugu Liberato, Goiabinha, grande amigo do apresentador e quem ele chamava de
  • Dona Maria do Céu, mãe de Gugu, recebe o apoio das pessoas que estiveram presentes na missa em homenagem ao apresentador. Ela atendeu um a um que estava por lá. #guguliberato #gugu
  • Dona Maria do Céu, mãe de @guguliberato, recebeu o carinho de todos ao final da missa por @guguliberato
  • @aparecidaliberato leu um belíssimo texto durante a missa por @guguliberato.

OFuxico