Imprimir

Notícias

05/07/2020 | 17h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Reprodução/Instagram

Viúva de Kobe Bryant exige mudança na legislação de helicópteros

A viúva de Kobe Bryant diz que o marido e a filha estariam vivos se a aeronave tivesse equipamento de segurança...

Viúva de Kobe Bryant exige mudança na legislação de helicópteros - Reprodução/Instagram

Vanessa Bryant, a viúva de Kobe Bryant, está solicitando ao congresso dos Estados Unidos que mudem as leis sobre a segurança de helicópteros e voos, após a morte do marido e da filha de 13 anos, Gianna Bryant, em janeiro passado.

Vanessa acredita que se o helicóptero em que viajavam, tivesse os equipamentos de segurança necessários, a tragédia teria sido evitada.

O que Bryant quer é que o Congresso finalmente aprove uma nova lei que está parada há tempos, sobre essa questão.

Nos documentos ela pede: "Peço fortemente que o Congresso dos Estados Unidos aprove uma lei federal que melhore a segurança dos helicópteros que operam neste país. Acredito que há uma chance de que Kobe e Gianna ainda estivessem vivos hoje se o helicóptero deles estivesse equipado com o equipamento de segurança exigido por esta legislação federal pendente".

De acordo com a rede CNN, seus comentários foram feitos depois que legisladores democratas introduziram recentemente a 'Lei de Segurança de Helicópteros Kobe Bryant e Gianna Bryant'. A legislação exigiria que todos os helicópteros certificados que transportassem seis ou mais pessoas devem estar equipados com um sistema de alerta e aviso de terreno, um gravador de dados de voo e um gravador de voz na cabine.

"Acredito que essas medidas de segurança salvarão muitas vidas", disse Bryant sobre o projeto. "Como passageiros que viajam de aeronaves, assumimos que medidas de segurança adequadas são para evitar acidentes antes de voar. É lamentável que esse não seja o caso e as empresas de aeronaves devem fazer sua parte para proteger vidas".

Vanessa contou posteriormente que ficou 'profundamente comovida' quando soubesse que a legislação seria nomeada com os nomes de Kobe e Gigi: "Ter os nomes de Kobe e Gianna associados a esta lei federal que tem o potencial de salvar inúmeras vidas seria um tributo adequado à sua memória", disse, propondo ainda que a indústria de helicópteros deveria renomear a caixa preta para Mamba 8 Box em homenagem ás 3 jovens jogadoras da equipe Mamba, aos 2 treinadores Mamba e aos 3 pais Mamba a bordo, igualando 8.

Kobe Bryant será homenageado no Emmy de Los Angeles
Viúva de Kobe Bryant exibe tatoos em homenagem a ele

Primeiros passos

Dia 20 de junho, Capri Kobe Bryant, a filha caçula de Kobe e Vanessa Bryant, completa seu primeiro aninho de vida. A bebê tinha apenas sete meses quando o jogador de basquete e a irmã Gigi Bryant morreram em um acidente de helicóptero em Calabasas.

Apesar da dor e luto que ainda enfrenta pela morte do marido e da filha de 13 anos, Vanessa ainda tem espaço para demonstrar seu amor e alegria ao ver a filha de 11 meses dar seus primeiros passinhos, pela primeira vez, sem a presença do pai.

E a viúva da falecida lenda da NBA foi ao Instagram no fim de semana para compartilhar esse momento importante de Capri, em um pequeno clipe.

No vídeo, a tia de Capri, irmã de Vanessa, Sophie, podia ser vista segurando a bebê enquanto caminhava para sua mãe. Quando a menina consegue chegar em Vanessa, elas aplaudiram de emoção:

Vanessa legendou o post: "Meu bebê !!!! Tão orgulhosa da minha Koko Bean. Capri deu os primeiros passos de sua tia Sophie para a mamãe hoje", escreveu.

O post chega apenas quatro meses depois que Kobe foi morto em um acidente de helicóptero ao lado de sua filha de 13 anos, Gianna.

Vanessa - que também é mãe de Natalia, de 17 anos, e Bianka, de três, com Kobe - recentemente admitiu o quão 'grata' é por ter suas filhas ao seu lado em um momento tão difícil.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico