Imprimir

Notícias

21/08/2020 | 12h24m - Publicado por: Giovanna Prisco | Foto: Reprodução/Instagram

Walcyr Carrasco encerra polêmica com Marina Ruy Barbosa: 'Voltamos à velha amizade'

Autor contou que já conversou com a atriz

Walcyr Carrasco encerra polêmica com Marina Ruy Barbosa: 'Voltamos à velha amizade' - Reprodução/Instagram

Na última quinta-feira (20), Marina Ruy Barbosa fez um desabafo em sua conta no Twitter. A atriz comentou sobre o fato de ter se recusado a cortar o cabelo para viver a história de Nicole, personagem de Amor à Vida (2013), com câncer linfático.

Pouco tempo depois, Walcyr Carrasco, autor da trama, contou nas redes sociais que conversou com a atriz e esclareceu a situação.

"Fico feliz em contar que falei com a Marina Ruy Barbosa, e que tudo que aconteceu no passado foi esclarecido. Voltamos à velha amizade", escreveu ele.

Walcyr ainda não descartou a possibilidade de ter Marina em um de seus próximos folhetins.

"Quem sabe um dia trabalharemos juntos novamente ", completou.

Walcyr Carrasco encerra polêmica com Marina Ruy Barbosa

Entenda o caso

 

O assunto que vem à tona no mundo das novelas nesta quinta-feira (20) foi o fato de Walcyr Carrasco ter contado que ficou chateado com Marina Ruy Barbosa por não ter aceitado cortar o cabelo na novela Amor à Vida e não teve saída a não ser “matar” a personagem da atriz.

No entanto, Marina não ficou em silêncio e, em seu Twitter, rebateu as afirmações do autor.

“Depois de oito anos, ainda esse assunto. Nunca falei sobre isso e sei que o que não faltam são histórias bem distantes da verdade. Aproveitando a fala do Walcyr, ‘desisti’, pois o que tinha sido combinado e dito para mim sobre a história, sobre a personagem, não foi feito”, iniciou Marina.

Ela ainda contou que nunca teve a oportunidade de falar com Walcyr Carrasco na época.

“Uma pena que na época não tive ‘acesso’ e não pude falar diretamente com o autor. Nunca nos falamos, nem no momento em que fui chamada para a novela, durante o trabalho ou depois de tudo. Uma pena não ter tido a chance de conversar e entender o que se passava na cabeça do Walcyr”.

Marina ainda contou que tudo foi conversado entre ela e a direção da emissora e que não teria sido uma decisão totalmente “irresponsável”.

“Do lado de cá, com as informações que eu tinha, de uma coisa estava certa: como atriz, não queria só o sensacionalismo. E como menina/mulher aos 17 anos, só valeria à pena se fosse para tratar da doença com muito respeito e atenção, e fazer uma ação social sobre câncer linfático. Não foi uma decisão irresponsável, muito menos leviana. Após uma longa conversa com a direção da emissora da época, chegamos juntos a essa conclusão, de que não fazia sentido pela forma como tudo estava sendo tratado”, desabafou.

Marina ainda salientou que muita coisa mudou de lá para cá e admira a coragem que ela teve na época. “Admiro a minha coragem de questionar, de me arriscar e enfrentar tudo que aconteceu depois, mesmo há oito anos. Acho que muita coisa mudou de lá para cá, e hoje ninguém é mais inacessível e essas hierarquias são tratadas de uma forma bem mais saudável nos ambientes de trabalho”.

Por fim, ela elogiou Walcyr Carrasco. “No entanto, possuo total respeito e admiração pelo trabalho do Walcyr, um autor que considero muito talentoso”.

Walcyr confessa ter 'matado' personagem de Marina Ruy Barbosa após decepção
Marina Ruy Barbosa encerra polêmica envolvendo membro do BTS





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico