Imprimir

Notícias

18/07/2020 | 21h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Grosby Group

Winona Ryder defende Johnny Depp de acusações de violento

A atriz disse que não acredita que o ator seja um homem violento

Winona Ryder defende Johnny Depp de acusações de violento - Grosby Group

Uma vez mais Winona Ryder saiu em defesa de Johnny Depp, com quem namorou no passado. A atriz insistiu que seu ex-namorado 'nunca foi violento ou abusivo com ninguém', em uma declaração de testemunha para apoiar sua defesa em seu processo de difamação em andamento.

A atriz deveria testemunhar no julgamento por difamação da estrela contra o News Group Newspapers (NGN) sobre uma história publicada no The Sun em 2018, que o chamou de 'espancador de mulheres', com base em alegações de violência doméstica de sua ex-mulher Amber Heard, que ele nega fortemente.

As ex de Depp, Ryder e Vanessa Paradis, deveriam comparecer ao Supremo Tribunal de Londres nesta semana, mas na quinta-feira (16), foi confirmado que seu testemunho não era mais necessário.

Foi relatado inicialmente que a decisão foi tomada, uma vez que as editoras aceitaram que nenhuma das mulheres jamais foi agredida pela estrela de Piratas do Caribe, mas os advogados que atuam na NGN esclareceram mais tarde ao jornalista Nick Wallis, que estava cobrindo o caso em seu feed do Twitter, que eles não concordaram com isso e vão levantar a questão em tribunal.

As declarações de Ryder e Paradis foram divulgadas, com a estrela de Stranger Things insistindo que ela 'se sentia muito segura' com o ator.

"Entendo que é muito importante falar por minha própria experiência, pois obviamente não estava lá durante o casamento dele com Amber, mas, por minha experiência, que era tão descontroladamente diferente, fiquei absolutamente chocada, confusa e chateada quando ouvi as acusações contra ele", afirmou.

"A ideia de que ele é uma pessoa incrivelmente violenta é a coisa mais distante do Johnny que eu conheci e amei. Não consigo entender essas acusações", acrescentou Winona. "Ele nunca, nunca foi violento comigo. Ele nunca, nunca foi abusivo comigo. Ele nunca foi violento ou abusivo com alguém que eu já vi. Eu o conheço verdadeira e honestamente, apenas como um homem realmente bom - um cara incrivelmente amoroso e extremamente carinhoso, que era muito protetor comigo e com as pessoas que ele ama, e me senti muito, muito segura com ele. Não quero chamar ninguém de mentiroso, mas, pela minha experiência com Johnny, é impossível acreditar que tais alegações horríveis sejam verdadeiras. Acho extremamente perturbador, conhecendo-o como eu."

Paradis ecoou as palavras de Ryder em sua própria declaração, que dizia: "Vi que essas declarações ultrajantes foram realmente angustiantes e também causaram danos à sua carreira porque, infelizmente, as pessoas continuam acreditando nesses fatos falsos. Isso é muito perturbador, principalmente porque ele ajudou tantas pessoas em sua vida pessoal e profissional com bondade e generosidade".

Depp negou repetidamente as acusações, insistindo que ele foi vítima de Amber Heard. O julgamento continua.

Johnny Depp tem vídeo exibido em tribunal quebrando garrafa



Testemunhas

Há quatro anos, Johnny Depp e Amber Heard travaram uma verdadeira guerra judicial por conta da separação deles, cujo final parece longe de acabar.

Em meio aos desdobramentos recentes deste caso, duas outras ex de Depp foram chamadas para testemunhar: Winona Ryder e Vanessa Paradis.

Todavia, de acordo com o site Deadline, isso não acontecerá mais, pois o advogado de Johnny revelou que a equipe jurídica entendeu que “não há necessidade de ouvi-las”.

Isso aconteceu pelo fato de elas já participaram de uma audiência preliminar e terem afirmado que o ator de Piratas do Caribe nunca foi abusivo com elas.

“Não há necessidade de reagendar essas testemunhas, por mais que teria sido um prazer tê-las aqui”, afirmou David Sherbourne, advogado do astro, que se encontraria com as atrizes por meio de videoconferência no julgamento desta semana.





Notícias Relacionadas

17/07/2020 | 19h40m - OFuxico

Amber Heard se encontrava com Elon Musk

16/07/2020 | 18h12m - Raphael Araujo

Winona Ryder e Vanessa Paradis deixam caso de Depp e Heard



Instagram

Instagram

OFuxico