Notícias às 15:24

A Fazenda 13: Dayane sai da sede, volta e diz que era ‘assunto pessoal’

Dayane Mello deitada, triste

Foto: Reprodução/ Playplus

Conforme OFuxico, policiais chegaram à porta das instalações de “A Fazenda 13”, com objetivo de entrar para esclarecer o ocorrido na madrugada entre Nego do Borel e Dayane Mello. O funkeiro carioca está sendo acusado na web, bem como pela equipe da modelo, de ter feito sexo forçado com ela.  

Por volta das 14h15 deste sábado, 25 de setembro, a produção do reality rural chamou a ex-participante do “Gran Fratello Vip” para comparecer ao closet.

Dayane saiu pelo portão da sede – o mesmo onde Fernanda Medrado deixou o reality, após tocar o sino – e Rico Melquiades viu. Ele correu para comentar com os peões.

“Falei que não podia, ela disse que sabia o que estava fazendo”, disse o humorista.

Veja +: Web se revolta com suposto assédio de Nego do Borel com Dayane Mello

CONVERSA COM A PRODUÇÃO

Dayane conversou por cerca de 15 minutos com a produção e passou por um local que era proibido para os participantes. Aparentemente, a modelo negou que tenha sido abusada. Ao menos foi o que aconteceu quando ela foi questionada por outros peões, dizendo, inclusive, que não lembrava de nada.

Quando todos achavam que a beldade havia desistido do programa, a peoa voltou. Ao ser perguntada por todos sobre o que havia acontecido, Dayane disse que não pode falar o que a levou a deixar a sede, por ser algo pessoal.

De acordo com a equipe jurídica da modelo, a polícia foi impedida de entrar nas instalações do reality rural.

Veja +: Equipe de Nego do Borel pede cautela na apuração do caso

ENTENDA O CASO

Na madrugada deste sábado, 24 de setembro, após a festa, Dayane Mello deitou na cama visivelmente com uns goles a mais e Nego do Borel estava no mesmo quarto. Mc Gui perguntou à modelo se ela queria permanecer no lugar e, sem seguida, Solange Gomes e Tati Quebra Barraco, que também estavam no espaço, disseram ao funkeiro carioca para ele “não tentar nada” devido à condição da modelo. O músico continuou na cama.

“Para com isso Nego…É que eu tenho uma filha”, dizia Dayane.

Alguns internautas sugeriram que teria acontecido um assédio.

Momentos antes da cena do edredom, os peões questionaram se Dayane queria mesmo estar ali. Rico chegou a dizer que Nego estava excitado e o funkeiro se enfureceu.

“Para de vacilar comigo. Tá filmando e o Brasil todo tá vendo. Para com isso, cara. Isso não é brincadeira, não. A minha mãe tá vendo, mano. A minha mãe tá vendo, faz isso, não”, disse o cantor.

“Para, para, para”, alertou MC Gui. “Para não dar problema, tira ela daí”, pediu Solange Gomes.

MC Gui percebeu que Dayane estava sem interagir em meio a conversa no quarto e começou a chamá-la. “Day, tá bem? Tem certeza que você quer ficar aí? Quer ir para sua cama ou ficar aí, Day? Responde, Day”, disse.

Pouco tempo depois, Dayane levantou da cama, andou pelo quarto e tornou a se deixar ao lado de Nego do Borel.

“Quer ficar aqui?”, indagou Borel.

“Quero”, respondeu Day.

“Aí, Gui. Assinou o documento”, gritou Borel para MC Gui.

EQUIPE DE DAYANE SE PRONUNCIA

Horas mais tarde, a equipe de Dayane se pronunciou no Twitter: “Isso é inaceitável! Dayane completamente inconsciente e sem nenhuma faculdade de suas ações. Nada justifica! As devidas providências serão tomadas com imagens, vídeos, falas e ações de tudo que vimos assim que conseguirmos entrar em contato com os responsáveis. Pedimos e esperamos uma ação por parte da emissora. Isso é sério! Não se calem, não silenciem! DENUNCIEM!”

A equipe de Nego, por sua vez, pediu que haja calma nas apurações dos fatos para não haver injustça.

PRICIPAIS NOTÍCIAS

Cauã Reymond surfa e, cauteloso, vai embora com máscara de proteção

Anitta, Carolina Dieckmann e GKay se esbaldam na note de Miami

Márcio Garcia se arrepende de beijo em Bolsonaro

Cláudia Raia revela o desejo de ter mais um filho

Juliette, João e Pocah assistem juntos filmes de Carla Diaz