Notícias às 08:15

Angélica pode voltar ao ar em janeiro, diz colunista

Reprodução/Instagram

Conforme OFuxico noticiou, tudo indica que Angélica vai ganhar um reality show culinário para chamar de seu. A atração, que deverá ser nos moldes do fictício Best Cake, que a loura apresentou em A Dona do Pedaço, novela que antecedeu Amor de Mãe na faixa das 21h, pode começar a ganhar forma logo nos primeiros dias de 2020.

De acordo com a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo a equipe do novo programa da mulher de Luciano Huck aguarda o sinal verde para retomar os trabalhos em janeiro.

A ordem, segundo Kogut, é esperar uma definição sobre a candidatura do apresentador do Caldeirão à presidência da República. Se seu lançamento só acontecer no fim de 2020, a atração poderá ter uma temporada antes. A apresentadora já teria gravado um piloto, que foi bem avaliado.

O discurso do apresentador, apontado como um possível presidenciável nas eleições de 2022, tem ganhado mais apoio no centro e na centro-direita do país. Huck foi recentemente elogiado pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e pelo ex-governador Jorge Bornhausen (SC).

Seu nome é constantemente vinculado ao Cidadania, partido do qual se aproximou por causa de sua conexão com movimentos de participação política como Agora! e RenovaBR. E integrantes do antigo PPS têm também destinado boas palavras à postura pública do apresentador.

Alguns posicionamentos de Huck têm agradado aos veteranos da política: o elogio à linha de trabalho adotada para a economia no governo de Jair Bolsonaro (PSL). Com isso, Huck garante também a simpatia de setores do mercado. Já o outro ponto traz a rejeição ao radicalismo e o reforço de um enfoque em temáticas sociais. Aí, o apresentador mostra distanciamento da face mais controversa da gestão Bolsonaro.

Saiba por que Angélica faz tanta falta na TV