Notícias às 08:29

Ary Fontoura processa empresa de suplementos por uso indevido de imagem

Ary Fontoura de boca aberta
Foto: Reprodução/ Instagram @aryfontoura

Fenômeno das redes sociais, com cerca de quatro milhões de seguidores, Ary Fontoura está processando a empresa Bio High Comércio e Serviços Ltda. Isso porque o artista teve sua imagem veiculada ilegalmente na divulgação do suplemento alimentar Morflex, que promete combater as dores provocadas por artrite e artrose. A empresa fica em Santa Catarina e é responsável pela divulgação e comercialização do produto.

Leia +: Ary Fontoura e José de Abreu divergem por causa de política

Ary descobriu ao se deparar com uma propaganda em forma de reportagem, onde ele falava dos benefícios do suplemento, com frases e depoimentos atribuídos a ele.

A defesa do veterano destaca que, além disso, em uma imagem manipulada por computador, Ary Fontoura aparece segurando o produto em uma mão e exibe o muque no outro braço, dando a entender que sua vitalidade seria por causa do produto.

Leia +: Ary Fontoura sensualiza na web e causa

O QUE DIZ A AÇÃO

Na ação, Ary Fontoura pede uma indenização de R$ 110 mil por danos materiais, valor similar de contratos fechados por ele; R$ 80 mil por danos morais e que a Bio Hight não utilize mais sua imagem em qualquer mídia, sob risco de multa diária de R$ 10 mil.

Leia +: Ary Fontoura estrela campanha de marca de beleza

A defesa de Ary registrou uma ata notarial no 15º Ofício de Notas, com todas as imagens e textos da propaganda ilegal. O caso corre na 7ª Vara Cível da Barra.

Segundo os advogados de Ary, a defesa tentou um acordo extrajudicial sem sucesso e se surpreendeu com a retirada do link em que a imagem do ator aparecia vinculada ao produto. Diante desse quadro, a empresa disse que não conseguia acessar o link por estar indisponível e que não era responsável pela propaganda.

ARY FONTOURA, O BLOGUEIRINHO DA QUARENTENA

Qual o estereotipo que você faz de um senhor de 89 anos, que mora sozinho no Rio de Janeiro e tem uma mente criativa? Esqueça, de cara, o desânimo. Em se tratando de Ary Fontoura, é bem provável que ele tenha até mais disposição do que você que lê essas linhas.

Leia +: Ary Fontoura faz seu Carnaval particular e empolga seguidores

Em dezembro de 2013, o Instagram não era uma fermenta conhecido nem mesmo por 10% dos muitos usuários que hoje o têm como “parte do corpo”. E Ary Fontoura já tinha um perfil. De início, não fazia sequer legenda. Mas suas fotos já faziam davam mostras do quão gente boa ele era. Depois, passou a contar com a ajuda do assessor, Rodrigo Adriano, e as postagens ficaram mais versáteis.

O primeiro post do ator, em 13 de dezembro de 2013, foi com carão de galã. Na época, Ary dava vida ao Dr. Lutero, em Amor à Vida. Personagem tão gente boa quanto ele. Na mesma data, postou uma foto de corpo inteiro, fazendo o “olhar de horizonte” característico de blogueiros. À frente do tempo!

Seguiram-se postagens com colegas de elenco e com o autor a trama, Walcyr Carrasco.  As postagens tinham em média 350 curtidas. O “estouro” foi na foto com Mateus Solano, que vivia o Félix: 679. A primeira vez que um post de Ary bateu a marca de mil curtidas foi em 21 de julho de 2014. O clique era com Bárbara Paz. E não parou de crescer!

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!