Notícias às 04:00

Atriz mexicana de How To Get Away With Murder revela estupro

Reprodução/Instagram

A atriz mexicana Karla Souza, que atua na série americana How to Get Away With Murder (Laurel), revelou que foi abusada sexualmente por um diretor da Televisa quando iniciava sua carreira.

Embora não tenha dito o nome do responsável, ela disse em entrevista à jornalista Carmen Aristegui, para o canal CNN em Espanhol, que sempre sofreu por causa desse triste episódio em sua vida.

Souza disse que o cineasta a hospedou no mesmo hotel que ele quando estavam gravando, ao contrário do resto do elenco, que ficou em um local diferente. Disse que em uma noite, às 2 da manhã, o diretor bateu em sua porta com o pretexto de ter pensado em uma cena e queria conversar com ela.

"Em um momento houve uma aproximação física, uma conversa que eu senti que não tinha opção de recusar. Isso aconteceu por várias noites e, quando eu não abria a porta, ele me cobrava nas filmagens", indicou Karla, que não quis revelar a identidade de seu agressor.

Porém nesta quinta-feira (22) a Televisa emitiu um comunicado denunciando o diretor e produtor da casa, Gustavo Loza, por essas acusações, e cancelou todos os projetos que tinha com ele.