Notícias às 01:00

Britânicos querem o Príncipe William no trono

Reprodução/Instagram

A admiração pelo príncipe William aumentou nos últimos meses com a saída do seu irmão Harry como membro-senior da família real. E agora, segundo o jornal The Sun, é do desejo dos britânicos que ele seja o próximo rei da Inglaterra ao invés de seu pai, o príncipe Charles. Com seu toque moderno e sua reputação confiável, o duque de Cambridge é um dos membros da realeza mais queridos da família real britânica. 

Paul Burrell, ex-assistente do palácio e mordomo da falecida princesa Diana, falou recentemente no podcast de Vicky Pattison sobre como é provável que William faça várias mudanças positivas na monarquia se for rei. 

"Não vamos ver uma mudança real até que o príncipe William seja rei. Então, os genes da princesa Diana dentro do príncipe William entrarão em ação e farão com que a família real seja mais acessível, aceitável e mais ativa", disse. 

"Acho que o príncipe Charles continuará a rota tradicional, o caminho de sua mãe, o caminho de sua avó", contou. 

"Eu gostaria de perguntar ao público. Vocês preferem ter o rei Charles e a rainha consorte Camilla ou preferem ter o rei William e a rainha Kate?", questionou. 

De acordo com a imprensa inglesa uma grande mudança na realeza, aproveitando o carisma de William, é torná-lo Rei e o seu pai, o Príncipe Charles Rei emérito. 

Príncipe William sofreu bullying após entrevista de Lady Di
Príncipe William recebe críticas por esconder coronavírus

Tradição de Natal

 

O Natal da Rainha Elizabeth II e o Príncipe Philip também será diferente este ano. Segundo o jornal Daily Mail eles vão passar as festas no Castelo de Windsor, em vez de Sandringham Estate, em Norfolk, para ficarem seguros em meio à pandemia de coronavírus em curso. A notícia foi confirmada por um porta-voz do Palácio de Buckingham na terça-feira (1). 

"Tendo considerado todos os conselhos apropriados, a Rainha e o Duque de Edimburgo decidiram que este ano eles passarão o Natal tranquilamente em Windsor", justificou. 

A monarca de 94 anos, e seu marido de 99, estão se isolando no Castelo de Windsor desde o primeiro lockdown na Inglaterra. Tradicionalmente a rainha celebra o Natal em Sandringham com o resto da família real, onde participam de muitas tradições, incluindo a caminhada anual para a igreja na manhã de Natal. A família também cancelou sua festa de Natal habitual no Palácio de Buckingham. 

A rainha ainda deve fazer seu discurso anual, no qual ela deve refletir sobre o ano difícil. O discurso, gravado no início da semana, costuma ser transmitido às 15h. no dia de Natal. 

O resto da família real ainda não anunciou seus planos para a temporada de férias. O príncipe Harry e Meghan Markle farão seu primeiro Natal em Montecito, Califórnia, com a mãe da ex-atriz, Doria Ragland. 

O irmão de Harry, o príncipe William, e a esposa, a duquesa Kate, alternarão entre celebrar com a rainha e o príncipe Philip e com a família de Kate.