Notícias às 11:17

Caio Castro se pronuncia após post com falas homofóbicas

Reprodução/Instagram

Climão! Depois de Rafa Kalimann se desculpar por compartilhar um post com falas lgbtfóbicas, foi a vez de Caio Castro se pronunciar. O ator compartilhou o mesmo vídeo que a apresentadora nas redes sociais, em que um pastor opina sobre os casamentos homoafetivos e usa falas consideradas preconceituosas.

Nos Stories do Instagram, Caio se pronunciou sobre a repercussão com o seu nome, que foi bastante criticado na web após a publicação, e explicou que usou o vídeo para falar do respeito às opiniões diferentes.

“Bom dia. Sobre casamento gay. Sobre relacionamento gay. Sobre qualquer ideia sobre a relação homoafetiva: Sou a favor, sim. Sou a favor do amor entre as pessoas. Mas existem pessoas que não são. Existem pessoas que têm  suas convicções e costumes diferentes”, começou ele.

“Precisamos respeitar. Não precisamos, nem devemos, aceitar. Mas precisamos respeitar. E o vídeo que eu compartilhei é sobre esse ponto que o pastor está falando. Respeito, respeitar as pessoas independente de qualquer coisa. Eu sou contra ele ser contra, mas respeito a opinião dele. Tudo começa com respeito”, finalizou.

Caio Castro se pronuncia sobre post polêmico

Rafa Kalimann se desculpa após post com falas lgbtfóbicas

Climão! Rafa Kalimann se envolveu em uma polêmica na noite do último domingo (30). A vice-campeã do “BBB20” ficou entre os assuntos mais comentados no Twitter após publicar, nos Stories do Instagram, um vídeo com um pastor opinando sobre o casamento homoafetivo e usando expressões consideradas lgbtfóbicas.

Nas redes sociais, a apresentadora do programa “Casa Kalimann”, do Globoplay, foi duramente repreendida pelos seguidores e rapidamente recorreu aos perfis para se explicar pelo ocorrido, afirmando que o intuito era mostrar uma postura diferente e não agressiva de alguém contra a união homoafetiva. "Quis vir aqui me desculpar por um vídeo que compartilhei nos Stories. Meu intuito era repassar aquilo para aqueles que tratam mal os LGBTs por conta da religião, para de uma vez por todas isso parar", começou ela.

A apresentadora também reforçou que aquele não é efetivamente o seu pensamento. "Sinto muito se ofendi, e se pareceu que eu discordo de relacionamentos homoafetivos (jamais!). Apaguei depois de ver que estavam levando como opinião minha, e está longe de ser, muito pelo contrário", desabafou.

Para finalizar, Rafa explicou que recebeu o conteúdo de um amigo homossexual. "Ele e muitos outros acharam bacana ver um posicionamento diferente da maioria quando se trata de religião, foi um assunto que levantou muitas coisas legais, lá. Entendi completamente o ponto de vista de vocês, respeito e peço desculpas pelo meu compartilhamento".

Rafa tem sido alvo de uma onda de hate nas redes sociais desde que estreou o seu próprio programa no Globoplay. Além de ter tido a conta da sua marca hackeada,  recentemente, a apresentadora se pronunciou sobre os ataques e afirmou que, diferente do que muitos internautas disseram, o talk show está fazendo sucesso.