Notícias às 04:00

Cardi B se revolta e dispara: ‘Saúde em vez de capitalismo’

Reprodução/Instagram

Cardi B não se conteve e botou a boca no trombone, ao ler uma publicação no Instagram em que o governador da Geórgia, Brian Kemp, disse que reabriria o comércio local: salões, academias e pistas de boliche, na sexta-feira (24).

A rapper foi na seção de comentários e falou tudo o que pensa do assunto:

“Eu só quero dizer às pessoas, não fique perto de seus pais ou avós! Uma vez doente e no hospital com Covid, você não poderá ver como e com o que eles estão tratando”, iniciou ela, que completou:

“Eles literalmente os fazem morrer devagar! Eles não estão dando aos pacientes com covid os alimentos adequados ou chá para aumentar a imunidade. Medicação certa! Seus pais, avós ou você provavelmente morrerão sozinhos em um hospital frio, sem contato físico com seus entes queridos. SAÚDE EM VEZ DE CAPITALISMO!”, opinou.  

Cardi B opinou sobre a reabertura do comércio

Doação milionária

 

Cardi B continua muito comprometida em ajudar os mais necessitados que foram afetados pelo Covid-19 e anunciou através de seu Instagram que doará US$ 1 milhão, em parceria com uma empresa de moda.

A rapper de Nova York, o estado mais afetado por essa terrível pandemia, juntou-se à compañía Fashion Nova para arrecadar fundos para ajudar milhares de pessoas de baixa renda que estão tendo dificuldades com esta doença.

Cadi B canta músicas de Zezé Di Camargo e Luciano
Cardi B afirma sentir falta de sexo na quarentena

Cardi B, através de um vídeo que ela compartilhou em sua rede social, explicou como será o mecanismo para as pessoas receberem ajuda diretamente:

"Vamos garantir que isso chegue às pessoas", disse a cantora, que desconfia que algumas organizações não entregam o dinheiro, então ela e a Fashion Nova entregarão US$ 1.000 a cada hora nos próximos 42 dias, e as pessoas só precisam enviar sua solicitação para este endereço: fashionnova.com/cares, onde exporão as necessidades econômicas que está sofrendo.

No final de março, Cardi B também anunciou que doaria os lucros de sua música 'Coronavirus', um remix que alerta sobre os perigos desse vírus, que se tornou uma das 5 principais músicas mais ouvidas de hip-hop do mundo, através do iTunes.

 

Coronavírus: como a doença afetou o mundo dos famosos
 

  • Ao redor do mundo a cada dia aumenta o número de casos de celebridades afetadas pelo Covid-19

  • Preta Gil contraiu o vírus depois de cantar no casamento de Marcela Minelli, irmã de Gabriela Pugliesi.

  • Fernanda Paes Leme e a própria Gabriela e sua irmã Ornella Minelli. também foram infectadas no casamento.

  • Programações de TV, produção e estreias no cinema e várias turnês e grandes eventos já foram cancelados.

  • Famosos se mobilizam ao redor do mundo fazendo doações para combater a pandemia.

 

Nota do editor: essas informações eram precisas no momento desta publicação. Continuamos a atualizar nossa cobertura de coronavírus à medida que aprendemos mais. Navegue com frequência em nosso site para obter as informações mais atualizadas.

Estrelas de Hollywood, atletas e membros da realeza representam um pequeno número dos mais de 1.000.000 de casos de coronavírus registrados em todo o mundo até o momento. Dada a rapidez com que o novo vírus se espalhou, são muitos os famosos que se declararam infectados, incluindo Tom Hanks, que foi a primeira celebridade a divulgar seus resultados positivos nos testes, o Príncipe Charles, além dos brasileiros Di Ferrero, Preta Gil, Dinho Ouro Preto, Leandro Lehart, Felipe Simas, entre outros. O primeiro ministro britânico Boris Johnson foi o primeiro líder mundial a contrair o vírus. De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças, “o coronavírus se espalha principalmente de pessoa para pessoa ”, com sintomas que variam de febre, tosse e falta de ar.

Lollapalooza é adiado por conta do coronavírus

O nome coronavírus tem sido bastante pronunciado ultimamente. Ele foi “batizado” dessa maneira porque tem sua estrutura em formato de coroa. O vírus causador sofre mutações espontâneas e aleatórias, por isso ainda não há uma medicação certeira para combater a doença.

Saiba tudo sobre o coronavírus

 

Uma das prevenções mais eficazes contra o COVID-19 é lavar bem as mãos, incluindo dorso, embaixo das unhas e antebraço, usar álcool gel nos mesmos lugares, imediatamente após a lavagem. O álcool gel forma uma camada protetora e o vírus não resiste a ele, portanto, não consegue se fixar na superfície do corpo. Assim, evita-se de levar o vírus à mucosas. 

Coronavírus atrapalha grandes estreias do cinema

O coronavírus teve uma disseminação bastante rápida em várias partes do mundo, onde além de muita gente infectada, ocorreram várias mortes. A pandemia (enfermidade epidêmica amplamente disseminada) agiu rapidamente no mundo dos famosos também, infectando nomes bem conhecidos por todos nós.

Saiba quais celebridades brasileiras foram infectadas pelo coronavírus clicando aqui
Saiba quais celebridades internacionais contraíram a COVID-19 clicando aqui