Notícias às 10:00

Entenda as histórias por trás de Folklore, álbum de Taylor Swift vencedor do Grammy

Reprodução/Instagram

Folklore, oitavo álbum de estúdio de Taylor Swift, se consagrou como a melhor produção de 2020 e levou o prêmio de álbum do ano no Grammy, desbancando fortes concorrentes como “Future Nostalgia” da queridinha do momento Dua Lipa e “Hollywood’s Bleeding”, de Post Malone.

A  obra nostálgica, intimista e folk da cantora foi feita durante o período de quarentena, chamando a atenção por sua qualidade musical e pela total reinvenção de sua criadora, que apostou ao lado do produtor Jack Antonoff em algo completamente diferente do que vinha fazendo há anos.

Com a grande aprovação do disco pela crítica e público, Folklore inaugurou uma nova fase na carreira de Taylor, que também lançou Evermore poucos meses depois, um álbum “irmão gêmeo” de Folklore. Acontece que não só a melodia do projeto chama atenção, como também a história por trás de suas composições! Que tal descobrir quais são elas? Confira!

Ao discorrer sobre seu novo projeto, a loirinha contou que o imaginário das letras do álbum e todo o universo melancólico e místico de sua produção continham contos sobre amor escondidos, em que ela encarnou personagens ao escrever suas composições durante o período de isolamento devido a pandemia de Covid-19.

“Me refiro a elas como ‘O Triângulo do Amor Adolescente’. Elas exploram um triângulo amoroso do ponto de vista das três pessoas em momentos distintos de suas vidas.”,revelou Taylor em um comentário no Youtube quando Folklore foi lançado oficialmente.

É claro que os fãs logo começaram a procurar pistas nas faixas do disco até descobrir onde o triângulo amoroso estava sendo interpretado. E acharam! Entenda como a história é contada:

 

Betty

Em Betty, Taylor incorpora o personagem “James”, que canta a partir de seu ponto de vista arrependido e saudosista. James amava Betty, mas acabou tendo um romance de verão com Inez, magoando então sua namorada e a perdendo por um período de tempo.

 

 

“E se eu dissesse que foi só um romance de verão? 

Eu só tenho 17 anos, não sei de nada 

Mas sei que sinto sua falta”

 

August

Já em August, Taylor compõe a música a partir do ponto de vista de Inez, a jovem que se envolveu com James durante o verão. Vale lembrar que no hemisfério norte, as estações são invertidas e o verão é em agosto. A música carrega toda a nostalgia sobre amar alguém “emprestado”, já que Inez e James tiveram um romance passageiro e proibido.

 

 

“Agosto se dissipou no tempo 

Nunca foi meu 

Consigo nos ver enrolados nos lençóis

Agosto se dissipou como uma garrafa de vinho 

Porque você nunca foi meu”

 

Cardigan 

Cardigan é a primeira música de Folklore que ganhou clipe e também é um dos títulos mais famosos do álbum. Nesta faixa, Taylor é Betty, que de maneira nostálgica relembra seu envolvimento com James e a mágoa de vê-lo amar outras pessoas, mesmo que, no fim, aceite seu retorno por amor.

 

"Um amigo para todos é um amigo para ninguém

Corra atrás de duas garotas, perca a certa

Quando você é jovem, eles deduzem que você não sabe nada"

E aí, você sabia dessa história escondida nas composições de Folklore? Taylor trabalhou tanto em seus últimos projetos durante a pandemia que alguns fãs também garantem que Evermore contém outras ligações com as tramas de seu irmão gêmeo, apresentando novos personagens como “Ivy” e “Dorothea”. 

Não dá para negar que, dessa vez, o Grammy foi completamente merecido, né?

Taylor Swift é a favorita para levar Álbum do Ano no Grammy. Veja outras probabilidades!
Taylor Swift vai lançar nova versão do álbum Fearless
Taylor Swift rebate comentário feito em série da Netflix: 'Voltem para 2010'