Notícias às 08:00

Família real se reunirá no Natal através de vídeochamada

Reprodução/Instagram @theroyalfamily

A família real planeja fazer uma grande reunião virtual através do Zoom para celebrar o Natal todos juntos, de maneira remota. Isso significa que o príncipe Harry vai poder, de certa forma, passar o Natal com sua família, mesmo estando a 8.500km de distância de seus seres queridos.

Uma fonte próxima à realeza contou ao programa Entertainment Tonight os planos da realeza:

"O duque de Sussex fará uma videochamada para sua família de sua casa na Califórnia durante a temporada de festas, já que eles não podem estar todos juntos devido à pandemia do coronavírus", confirmou o informante.

O efeito do novo coronavírus no mundo dos famosos
 

"A família está planejando ligações pelo Zoom e jogos online porque nem todos podem passar o Natal em Sandringham como costumavam fazer", explicou.

Príncipe Harry e Meghan Markle terão uma pequena celebração de Natal com seu filho de 19 meses, Archie, e a mãe da duquesa, Doria Ragland, que está morando com eles.

A fonte disse: "O casal vai passar o Natal em casa na Califórnia tranquilamente com Archie e Doria se juntando a eles. Meghan, que é uma cozinheira talentosa, estará preparando alguns de seus pratos favoritos com Harry e Doria ajudando", contou.

Rainha Elizabeth quer Príncipe William como Rei
 

O duque de 36 anos se mudou para os Estados Unidos com sua esposa no início deste ano, depois que eles anunciaram que estariam dando um passo atrás em seus deveres reais.

Diz-se que a pandemia aproximou a realeza. A fonte explicou: "A relação melhorou e a COVID aproximou todos eles. Harry ficou muito preocupado com seu irmão e seu pai quando ambos contraíram a doença. Embora tenha havido desentendimentos, como em todas as famílias, o vínculo fraterno permanece intacto", assegura.


Tradição de Natal

O Natal da Rainha Elizabeth II e o Príncipe Philip também será diferente este ano. Segundo o jornal Daily Mail eles vão passar as festas no Castelo de Windsor, em vez de Sandringham Estate, em Norfolk, para ficarem seguros em meio à pandemia de coronavírus em curso. A notícia foi confirmada por um porta-voz do Palácio de Buckingham na terça-feira (1).

"Tendo considerado todos os conselhos apropriados, a Rainha e o Duque de Edimburgo decidiram que este ano eles passarão o Natal tranquilamente em Windsor", justificou.

A monarca de 94 anos, e seu marido de 99, estão se isolando no Castelo de Windsor desde o primeiro lockdown na Inglaterra. Tradicionalmente a rainha celebra o Natal em Sandringham com o resto da família real, onde participam de muitas tradições, incluindo a caminhada anual para a igreja na manhã de Natal. A família também cancelou sua festa de Natal habitual no Palácio de Buckingham.

A rainha ainda deve fazer seu discurso anual, no qual ela deve refletir sobre o ano difícil. O discurso, gravado no início da semana, costuma ser transmitido às 15h. no dia de Natal.

O resto da família real ainda não anunciou seus planos para a temporada de férias. O príncipe Harry e Meghan Markle farão seu primeiro Natal em Montecito, Califórnia, com a mãe da ex-atriz, Doria Ragland.

O irmão de Harry, o príncipe William, e a esposa, a duquesa Kate, alternarão entre celebrar com a rainha e o príncipe Philip e com a família de Kate.

Confira sete curiosidades sobre o Príncipe Charles

Livro dá mais detalhes sobre frieza de Charles com Diana