Notícias às 17:11

Filme dirigido por Wagner Moura estreia em Berlim

Reprodução

2019 promete ser um ano histórico para a carreira de Wagner Moura. Marighella, o primeiro longa-metragem dirigido por ele terá sua estreia mundial na prestigiosa mostra da 69ª edição do Festival de Berlim.

Com exibição confirmada em fevereiro, o filme estrelado por Seu Jorge, Bruno Gagliasso e Adriana Esteves não concorrerá a prêmios no evento.

O filme é produzido pela O2 Filmes, com coprodução da Globo Filmes e Maria da Fé. A O2 é a única produtora brasileira cinco vezes indicada ao Oscar.

"Berlim é de longe o meu festival de cinema favorito. Estive lá três vezes, sendo que em uma delas saímos com um urso de ouro. Fiquei muito feliz com a forma com que eles receberam meu primeiro filme lá, colocando-o na mostra principal. Berlim é também, de todos os grandes festivais, o mais político. Faz todo sentido que Marighella estreie lá", afirmou Wagner Moura.

O longa-metragem conta a história dos últimos anos de Carlos Marighella, guerrilheiro que liderou um dos maiores movimentos de resistência contra a ditadura militar no Brasil, na década de 1960.

"Marighella joga luz sobre um dos personagens mais fascinantes da história recente do Brasil. É um filme de ação para jovens e adultos, amparado por uma tradição fílmica absolutamente brasileira, mas que, acima de tudo, respeita a inteligência e a sensibilidade das pessoas", continuou o diretor.

Seu Jorge também comenta sobre a importância do filme.

"É um filme que fala da eterna luta pela liberdade e pelo progresso e das lutas em geral do povo brasileiro, um povo guerreiro e trabalhador, marcado pela superação. Estamos trabalhando a beleza e a precisão desse filme, na vontade e no desafio de recontar esta parte da história do Brasil. E vamos roubar o seu fôlego", disse ele, que interpreta o personagem-título.

Você é fã de Narcos? Corre e vem ver esta novidade!
Veja quem são os famosos que apoiam o PT de Haddad e Lula
Wagner Moura e Penélope Cruz farão filme de espionagem juntos