Notícias às 11:00

Fiuk e Gil se reencontram pela primeira vez no ‘Altas Horas’

Divulgação/Rede Globo

Durante o programa “Altas Horas” da Rede Globo transmitido na noite do último sábado (15) e madrugada deste domingo (16), Gil e Fiuk finalmente puderam se reencontrar após o BBB21. Na conversa com Serginho Groisman e convidados, tanto o cantor quanto o economista comentaram sobre seus planos para o futuro, expectativas e até mesmo arrependimentos, além de, é claro, relembrarem a parceria dentro do reality.

 “Foi uma mistura de emoções. Eu sempre sonhei em entrar no programa, e foi uma oportunidade única. Para nós que viemos de uma situação onde oportunidades são raras, nós temos que agarrar. O que não dá pra rir, dá pra chorar”, contou Gil.

“Parece que estou vivendo tudo pela primeira vez. Me dá um nervoso, uma ansiedade. Porque parece que a vida se resumia àquilo lá. Às vezes olho o céu e me emociono. Abraço minha mãe, a gente passa a dar mais valor para essas coisas”, explicou Fiuk.

Falando sobre algo mais delicado, Gil explicou como foi o processo de aceitação dentro de sua família:

“Minha família foi muito afetada por isso. Culpei meu pai por muito tempo, e durante o BBB eu refleti que não adiantava eu guardar mágoa sobre algo que ele não tem controle. De fato, as pessoas precisam enxergar melhor, acolher e apoiar mais essas pessoas”

Após Fiuk se apresentar no programa, cantando pela primeira vez depois do BBB, Gil comentou sobre seus planos profissionais e de estudo, além de seu novo contrato com a Rede Globo.

"O contrato está assinado. Estou muito feliz, mas setembro vou para o meu PhD. Até setembro estou com vocês e vamos ver o que vêm por aí", contou ele. 

Para finalizar o programa, os ex-bbb’s reviveram a trajetória dentro do jogo, e Fiuk agradeceu Gil:

“Você me ajudou muito, Gil”.

 

Gilberto Nogueira vai ter livro: ‘Estou escrevendo minha história

 

Gilberto Nogueira anunciou, nas redes sociais, que fechou contrato com a Globo Livros e irá contar sua própria história em um livro.

“Brasiiiil! Eu quero contar uma novidade para vocês: estou escrevendo meu livro! Em um dia como esse – em que fui vítima de um ataque homofóbico – é cada vez mais importante contar minha história. Estava muito animado para contar isso para vocês. E com o que aconteceu hoje, meu livro – que será lançado pela Globo Livros – virou um ato de resistência também”, disse Gil se referindo a um ataque sofrido nas redes sociais.

 

O livro receberá o nome de “Tem que vigorar!” e contará a história de vida do economista pernambucano que ganhou o coração de todo o País. Gil vai contar sobre sua fé, os períodos de dificuldade e luta de sua família e como era a rotina como missionário mórmon. O livro, claro, também vai trazer detalhes da participação de Gil na casa mais vigiada do Brasil e seu processo de descoberta e autoconhecimento como um homem gay.

"Eu estou escrevendo minha história. A Globo Livros está me dando essa oportunidade de ter meu livro. Vai ter muita fé, muito vigor e muita cachorrada!", afirmou Gil.

Dias atrás, Gil assinou contrato com a TV Globo. Ele deve comandar um quadro no programa de Fátima Bernardes.

O ataque homofóbico

Gilberto Nogueira sempre deixou claro todo o seu amor pelo time de coração, o Sport Clube Recife. No entanto, nesta sexta-feira (14), o ex-bbb teve de lidar com algo bastante delicado envolvendo o clube. Tudo isto porque foi vazado na web um áudio de um conselheiro do Sport Recife, Flávio Koury, em que o mesmo alegava que o comportamento do economista era uma "desmoralização" para o time.

"Primeiro ataque homofóbico que me deparo após o BBB e posso garantir, ainda machuca MUITO! Mas sigo firme e providências serão tomadas. Tirando o dia off para não perder minha alegria por tudo que venho vivendo…… É muita dor!", desabafou GIl no Twitter.

O pernambucano, inclusve, havia postado recentemente uma foto com a camisa do clube.

"Estamos do seu lado sempre!!! Você nos ensinou a vigorar. Então tire o seu tempo e volte revigorado pra gnt fazer justiça!!! Te amo!!!", respondeu Deborah Secco em apoio ao ex-brother.

A tag "Gil merece respeito" também entrou em alta, se tornando uma das mais comentadas do Twitter após o ocorrido. O clube ainda não se manifestou oficialmente sobre a situação.