Notícias às 09:03

Garçonete faz revelações sobre seu namoro com Ronnie Wood

Reprodução

Poucos dias depois de voltar para a casa da mãe, ao ser posta na rua pelo namorado Ronnie Wood, a garçonete russa Ekaterina Ivanova
resolveu contar tudo sobre a relação de um ano e meio do casal.

Ekaterina, 21, descreveu Wood, 62, como um bêbado “duende
malvado”.

“Tudo começou como um conto de fadas, mas depois se tornou um conto de fadas sombrio.Quando nos mudamos para uma torre, meus amigos riram e eu
disse que era uma princesa presa na torre, como Rapunzel. Aí, as coisas viraram
tipo ‘o médico e o monstro’. Me vi presa ali pelo duende malvado".

O casal vivia num castelo alugado (com uma torre), em
Surrey, Inglaterra, até que o Rolling Stone agrediu Ivanova na rua e ela chamou
a polícia, que o prendeu.

Segundo a garçonete, Wood a arrastou pela calçada, depois de
dar uma chave de braço nela.

Quando foi solto, ele a expulsou de casa e Ekaterina foi
para o apartamento da mãe, no centro de Londres. Foi então que ela iniciou
as negociações com a mídia, para contar sua história.

Ivanova disse à Revista Hello! que a dependência de Wood em
álcool o faz agir como uma criança mimada com quem é impossível se viver.

“No meu aniversário, ele me acordou com champanhe e caviar.
Eu bebi umas duas taças, mas Ronnie seguiu bebendo. Fomos a um restaurante, onde
os garçons trouxeram um lindo bolo de aniversário e cantaram parabéns, mas ele
estava completamente bêbado”.

Abalada, ela confessou que Wood é uma pessoa sem controle e que precisa de auxílio médico.

“Ele não sabe lidar com a bebida. Mesmo quando não fica
agressivo, começa a repetir as mesmas piadas e isso é muito irritante. A gente se divertia na noite mas, embora eu soubesse quando
parar de beber, ele não sabia. É difícil viver com alguém assim”.

Ekaterina disse ainda que todos lhe perguntavam como era viver com um
homem mais velho, mas ninguém sabia que este homem se comportava como se
tivesse 12 anos.

“Ele é uma criança birrenta, quando bebe. Joga garrafas de
água nas pessoas e faz coisas com a voz. Viver com ele era como tentar
controlar uma criança”.

“Respeito muito Jo (ex-mulher de Ronnie, com quem ele foi
casado por 23 anos) agora, porque ele é um pé no saco”!