Notícias às 20:50

Jacqueline Sato abre redes sociais para o movimento ‘Stop Asian Hate’

Pupin+Deleu/Divulgação

Entre o final de março e o começo deste mês, o movimento "Stop Asian Hate" ("Pare com o ódio contra asiáticos", em tradução livre) tomou força nas redes sociais, contando até mesmo com a presença de Rihanna nos protestos de ruas nos Estados Unidos, onde a campanha começou.

Os protestos foram acentuados por causa de um tiroteio que atingiu spas asiáticos em Atlanta, em fevereiro, que deixou oito mortos, incluindo seis mulheres de ascendência asiática.

Denunciando o aumento de crimes de ódio contra a comunidade Asiática-Americana e das Ilhas Pacíficas (AAPI) no país norte-americano, o movimento atingiu o Brasil e a atriz Jacqueline Sato, que possui origem japonesa, passou a falar sobre o assunto em suas plataformas digitais.

Estrela de novelas, como Sol Nascente, a artista resolveu usar suas voz para levar conhecimentos aos seguidores e internautas no geral. Nesta quinta-feira (15), ela deu um passo maior e participou de uma live promovida por Bruna Aiiso, com Ana HikariBeatriz Diaféria.

Na gravação, as artistas discutiram entre tantos pautas os esteriótipos sobre pessoas asiáticas, principalmente a descoberta como uma mulher amarela e os desafios enfrentados no passado e no presente.

Ana Hikari revela principal desejo para 2021: ‘Tomar a vacina’
Atriz Jacqueline Sato lança dois filmes fofos e divertidos

Confira a live na íntegra abaixo: