Notícias às 07:37

Karol Conká e Juliette são tema de conversa no Big Brother Portugal

Karol Konká, de vestido lilás, sorrindo, e Juliettede blusa tomara que caia preta, também sorrindo
Foto: Divulgação/ TV Globo

O fatídico bordão “me joga no paredão” não morreu e virou assunto entre os confinados no “Big Brother Portugal” na segunda-feira, 20 de setembro. A passagem de Karol Conká pelo BBB21 e a ascensão de Juliette Freire, citada como fenômeno, foi tema de uma conversa, mostrando que os brothers da terrinha também ficaram atentos à última edição do reality show da Globo.

Na conversa, os participantes António e Bruno explicaram para o grupo a dinâmica do reality aqui no Brasil e recordaram frases que marcaram a passagem da rapper curitibana, eliminada com recorde histórico de 98% de rejeição.

“Lá, metade são de famosos e metade anônimos. E essa (Karol), a rapper, MC, era famosa e perdeu seguidores”, disse Antonio, lembrando que a postura de Conká no reality não agradou.

O brother português ressaltou o comportamento da cantora no game e citou algumas falas da ex-sister.

“Completamente louca. Você nunca viu o vídeo ‘e se não gostou, me bota no paredão’, ‘minha língua é igual chicote’?”, questionou.

Vale lembrar que durante uma briga com Lucas Penteado, a rapper soltou a icônica frase “qualquer coisa, me bota no Paredão”, que viralizou na web com diversas versões divertidas.

António ainda falou sobre Juliette Freire: “A Juliette, que foi a que ganhou, entrou com 3 mil e poucos seguidores e saiu com 40 milhões. Em quatro meses, imagina. Foi um fenômeno”, disse, errando, no entanto, o número de seguidores da ex-BBB, que saiu com cerca de 24 milhões de fãs na rede social.” “Ela era da Paraíba, era muito tranquila. As pessoas da casa diziam que ela era chatinha, mas ela explicava o ponto de vista dela, mas as pessoas foram ‘mázinhas’ com ela, diziam que ela era maluca”, explicou o rapaz.

KAROL CONKÁ EM NOVO REALITY?

Karol Conká foi uma personagem emblemática dentro do “BBB21”, da TV Globo. A cantora, ao longo de seu confinamento, teve comportamentos e atitudes que não agradaram o público e fez com que ela fosse eliminada com a maior taxa de rejeição da história do reality, mas será que ela voltaria para um novo desafio assim?

Bem-humorada, ela brincou com essa possibilidade em um vídeo usando aquela caixinha de perguntas do Instagram, Na pergunta, ela foi questionada sobre participar de um novo reality show.

A mamacita, trabalhada no bom-humor, contou: “Sim, estou me preparando para entrar em um reality quando eu fizer 80 anos, que aí eu já chego com muito aprendizado, bem perfeita, e dessa vez não vou ser cancelada”, zombou.

Nos comentários os fãs se divertiram também, entrando na onda da cantora e rapper.

Veja+: Karol Conká relata trauma a respeito do cancelamento

“Qualquer coisa me bota no asilow [sic]”, disse uma internauta, brincando com a frase de Karol que ficou famosa dentro do “BBB”: “Me bota no paredão”. “Eu nunca cancelei você, mamacita”, avisou outra pessoa. “Mamacita, se você entrar em outro reality eu alugo um call center e você vai ganhar nem que seja na marra”, garantiu mais uma.

SINCERIDADE E CICATRIZES

Em conversa ao “Mano a Mano”, podcast original do Spotify do rapper Mano Brown, em que a artista foi a primeira convidada (com o projeto buscando chamar figuras controversas toda semana), o rapper defendeu a amiga e colega de profissão, afirmando achar os ataques desproporcionais.

“Vendo você falar, fico com a impressão de que você abraçou um pouco do que falam de você. Eu não te julgo, mas eu não sei se as pessoas estão merecendo você pedir tanto perdão, porque qualquer pessoa, negra, branca, artista, desempregado ou advogado agiria de forma aflorada nas mesmas condições que você”, declarou ele.

Karol então relatou episódio traumáticos de seu passado: “Na escola, alguns meninos me batiam e eu retrucava. Depois que eu comecei a reagir, o respeito veio. Eu aprendi assim, o respeito só vem quando a gente dá uma de louca”.

Veja+: Karol Conká reflete sobre cancelamento: “Me tornei um ícone”

“Para os ‘haters’, é mais gostoso quando eles têm um motivo para odiar. Eu vou ter 70 anos e vai ter gente ainda falando sobre o que aconteceu no programa. Tenho amigos meus que falam que no meu lugar teriam acabado com tudo”, ponderou ela sobre os haters, que teriam ganhado mais força para atacá-la.

Eu senti, sim, vontade de desistir, principalmente quando eu me deparei com o mal que eu tinha causado para pessoas queridas, como minha família e meus fãs, isso doeu muito em mim.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS

Grávida, Bárbara Evans passa mal e se desespera

A Fazenda 13: Tem ex-BBB escondido em Itapecerica da Serra!

Nora posta foto de jantar com Glória Menezes: “Os dias vão se tornando menos tristes”

A Fazenda 13: MC Gui causa punição para os peões

A Fazenda 13: De quem é essa camisinha?