Notícias às 13:00

Made in Brasil! Nova Mulher Maravilha dos quadrinhos é do Amazonas

Divulgação

A maior heroína da história dos quadrinhos, agora, é brasileira!  A editora DC anunciou na quinta-feira (15) que a nova Mulher-Maravilha, será a brasileira Yara Flor. Ela aparecerá na saga DC Future State, que começará em janeiro de 2021. 

"Ela é do Brasil, mas é uma imigrante nos Estados Unidos. Também tem esse elemento na história dela", disse Jamie S. Rich, editor do grupo.  

Ele ainda ressaltou que Yara , mas não vai substituir Diana Prince. 

"Apesar da gente ver ela atualmente ativa como a Mulher-Maravilha, eventualmente vamos descobrir sua origem – parcialmente com ela entendendo o que isso significa, de onde ela é, por que ela é isso, como ela se relaciona com Diana e com as outras amazonas."

De acordo com Rich, Yara será o oposto da heroína original. 

"Diana Prince é uma deusa, então ela sempre está um pouco acima de nós. Esta é uma chance de meio que voltar a uma das raízes antigas da Mulher-Maravilha, na qual Diana tentava ser uma humana e aprender como ser humana. Agora vamos na direção oposta – como uma humana aprende a ser uma deusa?"

Gisele Bündchen se declara para mãe: 'Mulher maravilha'

Personagens misturados

 

A Nova Mulher Maravilha viverá uma aventura ao lado do novo Superman — identidade assumida por Jon, filho de Clark Kent. Em Future State, que tem previsão de dois meses, iniciando em janeiro de 2021 nos gibis da DC, haverá uma mistura de personagens clássicos e novos. 

Desta forma, várias séries regulares de HQs serão substituídas por edições especiais focadas no evento. Entre elas está Future State: Wonder Woman, que vai ter Yara como protagonista. 

“Devido ao seu envolvimento em uma crise internacional que acontecerá em um futuro próximo, Clark Kent – Superman original – foi rejeitado pela Terra, fazendo com que ele concentrasse seus esforços de salvamento fora de sua casa adotiva. Jon, filho de Clark, assume o manto de Superman (…) Enquanto isso, na floresta amazônica, Yara Flor é escolhida para ser a nova Mulher Maravilha. Anos mais tarde, o novo Superman e a Mulher Maravilha unem forças para salvar suas cidades em uma nova equipe de super-heróis como o mundo nunca viu”, informou a DC.