Notícias às 20:15

Mãe de Gabriel Medina diz que Yasmin Brunet a afastou do filho

Reprodução/Instagram

Depois de muitas especulações sobre sua briga com o próprio filho, o surfista Gabriel Medina, fez com que a empresária Simone Medina abrisse o jogo sobre a atual relação com o atleta, em uma entrevista franca e direta com o jornalista Leo Dias.

Mesada do filho?

Ao site Metrópoles, mãe do campeão mundial negou que receba mesada do rapaz.

“Eu não sou famosa, não quero ser famosa e não vou ficar alimentando esse tipo de notícia, mas elas não procedem. Eu não recebia mesada do Gabriel de R$ 200 mil, eu simplesmente sou sócia da SGM Esportes (Simone Gabriel Medina Esportes: empresa de consultoria esportiva e gestão empresarial, aberta em 2014). Eu e meu marido investimos muito no início da carreira, o Gabriel ainda não era Medina. Meu marido (Charles, casado há 19 anos com Simone e padrasto do surfista), o treinou desde o início da vida até o ano passado, e não ganhou um centavo sequer. Todo mundo atacou meu marido, mas ele não ganhou nada”, iniciou ela.

Nora indesejável

A sogra da modelo Yasmin Brunet não poupou críticas à esposa do filho.

“Ela chegou para passar um fim de semana e não saiu mais da casa dele. Eles vivem uma relação controladora. Nem com a irmã ele fala mais. Ela afastou ele de todo mundo. Ela determina o que ele deve comer. Eu nunca fui para casa do Gabriel sem ser convidada e nem sem avisar. Ele morava longe de mim há 7 anos. A gente não está se falando agora por causa de tudo isso. Nós somos uma empresa, mas agora estamos dissolvendo esta empresa”, afirmou.

Ela ainda deu uma alfinetada em Luiza Brunet, mãe da loira.

“Ela reproduz o que viveu em casa”, completou.

Intolerância religiosa?

Por fim, Simone ressaltou que não se envolve com a religião de suas noras.

“Sou cristã há 24 anos, nunca tive problema com a religião delas [noras] e não enfio a minha crença goela abaixo. Vou fazer 51 anos e não vou me preocupar com isso. Eu cuido do meu instituto (Instituto Gabriel Medina), subo favela, ajudo quem mais precisa. Não quero esse mundo de vocês, que se alimentam de carniça”, finalizou ela.