Morte às 16:00

Maiara recebe críticas após velório de Marília Mendonça, Maraísa rebate e web reage

Maiara, Maraísa e Marília Mendonça em coletiva de imprensa
Foto: Marcos Ribas/Brazil News

No finalzinho de sábado, 06 de novembro, Maiara foi criticada por conta do seu comportamento durante o velório de Marília Mendonça, morta após a queda de um avião que transportava a cantora e mais 4 pessoas para Caratinga, Minas Gerais, onde apresentaria seu show.

Um internauta escreveu:

“Maiara tá fria demais, mascando chiclete, sem máscara,arrumando cabelo, acenando para fã… falta de respeito”.

Logo que viu a ofensa à irmã, Maraísa acionou seu teclado e rebateu:

“A Maiara não estava no automático! Minha irmã é a mulher mais fo** que eu conheço! Ela sabia que ali só estava o corpo da Marília! Porque o que vive é o sentimento dentro do seu coração!”.

Internauta critica Maiara em post no Twitter
Internauta critica Maiara em post no Twitter Foto: Reprodução Twitter
Maiara no velório de Marília Mendonça
Maiara no velório de Marília Mendonça Foto: Cristiano Borges e Júnior Guimarães/ AgNews

Após a resposta de Maraísa e a muitos comentários apoiando Maiara, a conta que criticou Maiara foi removida do Twitter.

Conta do Twitter removida
Conta do Twitter removida Foto: Reprodução

VEJA AS REAÇÕES DOS INTERNAUTAS AO CASO:


Estão a pleno vapor as investigações sobre a causa da queda do avião que caiu com a cantora Marília Mendonça e outros quatro passageiros em Minas Gerais. O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) afirmou no sábado, 06 de novembro, que a aeronave bimotor não possui caixa preta.

Segundo o órgão, no avião foi encontrado apenas um geolocalizador que pode ser utilizado para confrontar o plano de voo. O dispositivo é umas das evidências para se compreender as causas do acidente ocorrido na última sexta-feira, 05 de novembro.

O Cenipa afirmou ainda, conforme OFuxico destacou, que todas as evidências e itens pessoais dos cinco passageiros foram retirados e entregues aos advogados de Marília Mendonça. Foi dito ainda que os peritos não entrarão mais no avião.

DIFICULDADE PARA SER RETIRADO DO LOCAL

A aeronave começou a ser retirada do local neste domingo, 07 de novembro, por uma empresa especializada. Não há previsão de tempo para que a operação seja concluída, pois a equipe envolvida está encontrando dificuldades. Na noite de sábado, 06, ela foi puxada para fora da correnteza.

Assim que o trabalho for concluído, o avião bimotor será levado para o aeroporto onde deveria ter pousado, a dois quilômetros do local do acidente.

A empresa dona da aeronave, PEC Táxi Aéreo, foi autorizada a recolher os destroços após o trabalho de perícia da Polícia Civil e do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) no local do acidente.

O Cenipa informou que outra etapa da perícia continuará a ser realizada no hangar onde o avião ficará, já que não há mais necessidade de que a aeronave continue no local onde caiu.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é aviao-que-caiu-com-marilia-mendonca-comeca-ser-retirado-1024x683.jpg
Foto: PC/MG

POLÍCIA COLHE DEPOIMENTOS

A Polícia Civil de Minas Gerais iniciou no sábado, 06 de novembro, a coleta dos depoimentos sobre o acidente aéreo que causou a morte da cantora Marília Mendonça e de outras quatro pessoas. Segundo o delegado regional de Caratinga, Ivan Sales, a primeira pessoa a ser ouvida foi o advogado da família da artista, que prestou esclarecimentos sobre a empresa responsável pela aeronave e o contrato firmado para o uso.

Agora, os policiais tentam encontrar testemunhas que viram a queda do veículo: “As equipes agora vão para as ruas para fazer a qualificação dessas pessoas (possíveis testemunhas)”, disse o delegado.

A investigação do caso ocorre em parceria entre a Polícia Civil e o 3º Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos. Às autoridades policiais cabe responsabilizar possíveis culpados, enquanto o órgão da Força Aérea Brasileira tenta identificar os fatores que influenciaram o acidente.

QUEDA FATAL

O acidente aconteceu em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, no oeste de Minas Gerais. O avião caiu a uma distância de três quilômetros do aeroporto de Caratinga, cidade onde a cantora faria um show.

A aeronave caiu em um curso d’água próximo de um acesso da rodovia BR-474. A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) informou que o avião bateu em um cabo de uma torre de distribuição de energia da companhia, em Caratinga.

A Força Aérea Brasileira (FAB) e a Polícia Civil de Minas Gerais investigam o acidente.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS

Mãe de Marília Mendonça passou mal e foi levada ao hospital
Detalhes do velório de Marília Mendonça
Famosos lamentam a morte de Marília Mendonça
O último vídeo: Marília Mendonça fez imagens momentos antes de embarcar no avião
Produtor de Marília Mendonça trabalhou com Cristiano Araújo
Relembre os clipes inesquecíveis de Marília Mendonça
Sammy Lee fala sobre a morte de Marília Mendonça
Adeus Marília Mendonça – Galeria de fotos para relembrar
Saiba como foi o último show de Marília Mendonça
Polícia civil detalha a queda de avião onde viajava Marília Mendonça
Luciano Huck ressalta legado de Marília Mendonça
Avião de Marília Mendonça bateu em torre de alta tensão
Roberta Miranda passa mal ao saber da morte de Marília Mendonça
Marília Mendonça vendeu jatinho privado durante a pandemia
Marília Mendonça deixou filho com o pai antes de viajar
Marília Mendonça se declarou para a mãe na véspera da sua morte