Notícias às 13:00

Marido de Ivete Sangalo é criticado na web. Entenda!

Reprodução/Instagram

Na semana em que o desfecho de Amor de Mãe virou assunto nas redes sociais e fora delas, destacando o talento de Regina Casé na pele da nordestina aguerrida Lurdes, a atriz foi convidada para participar de uma live com Daniel Cady. O marido de Ivete Sangalo, que é nutricionista, contou que ele, a mulher e o filho mais velho, Marcelinho, tiveram a Covid-19. E, numa fala infeliz, Daniel culpou a cozinheira da família.

Ele disse que foi a funcionária que levou o coronavírus para dentro de sua casa. Ela tirou folga e retornou ao trabalho.

Ivete Sangalo se torna estrela de campanha da Plié 2021

"A gente está mais tranquilo até para ir pra algum lugar, porque a gente estava muito entocado, e a Covid chegou por uma funcionária, uma cozinheira. Então, assim, o que a gente pôde fazer, a gente fez. Mas esse lance do funcionário passar uma semana aqui, folgar, enfim… Ela acabou trazendo para cá. Mas enfim", declarou.

Visivelmente desconfortável com as palavras de Daniel, Regina Casé fez uma expressão de espanto e não respondeu nada. O nutricionista ainda passou uma informação errada sobre a doença ao afirmar que a família está imunizada por já ter sido infectada pelo vírus.

"Graças a Deus foram só sintomas leves. Marcelinho, eu, Ivete estamos meio que vacinados agora, né? Mas estamos com cuidados redobrados, isolados", disse.

De imediato, internautas reagiram negativamente às palavras de Daniel Cady, principalmente sobre a culpa que ele jogou na cozinheira.

 

Marido de Ivete Sangalo compartilha primeiro mergulho da filha

 

Primeiro caso fatal foi de uma doméstica

No início da pandemia, em março do ano passado, o Ministério Público do Trabalho recomendava a dispensa das trabalhadoras domésticas com remuneração ou flexibilidade de jornada. Segundo o Sindicato das Empregadas Domésticas e a Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas, poucos seguiram as orientações.

A primeira vítima fatal da Covid-19, no Rio de Janeiro, em março do ano passado, foi uma empregada doméstica de 63 anos infectada pela patroa que tinha retornado da Itália. A patroa estava contaminada, mas não liberou a funcionária.

Em Feira de Santana, a primeira infectada na Bahia, depois de também voltar da Itália, contaminou a empregada, que infectou os pais idosos. Não há levantamento de mortes ou contaminação por Covid-19 entre empregadas.

Ivete Sangalo rebate Secretário de Saúde da Bahia após cobrança: 'Me respeite'
Surpresa! Ivete Sangalo telefona para fã em tratamento contra câncer
Ivete Sangalo coloca filtro divertido da web nas gêmeas