Notícias às 00:00

Millie Bobby Brown e Henry Cavill voltam ao set da Netflix

Reprodução/Instagram

Millie Bobby Brown e Henry Cavill voltarão para a segunda parte do filme da Netflix, "Enola Holmes 2". A plataforma de streaming confirmou na sexta-feira (14) a sequência do filme de mistério de 2020, que está baseado no primeiro livro da série de Nancy Springer e explora a irmã adolescente (Brown) do famoso detetive Sherlock Holmes (Cavill). 

Ambos atores vão reprisar seus respectivos papéis na sequência. 

Através do Twitter, a Netflix deu a notícia: 

"A sequência vem em breve! A aventura continua quando Millie Bobby Brown e Henry Cavill retornarem para o mundo de ENOLA HOLMES, se juntando novamente ao diretor Harry Bradbeer e ao escritor Jack Thorne no segundo filme baseado na série de livros de Nancy Springer sobre a brilhante irmã de Sherlock Holmes."

Brown, de 17 anos, está feliz com seu novo projeto e comentou nas redes sociais: 

"Mal posso esperar para contracenar novamente com a minha família de Enola Holmes. Enola tem um espaço especial no meu coração – ela é forte, destemida, inteligente e corajosa. Eu mal posso esperar para que os fãs vejam como a jornada dela vai continuar!", indicou. 

O segundo filme vai ser dirigido novamente por Harry Bradbeer e Jack Thorne será o roteirista. 

Embora não se sabe ainda detalhes do roteiro, o filme vai seguir, novamente, os contos de Springer. 

Bradbeer admitiu anteriormente que espera que possa adaptar os seis livros e criar uma franquia: "Espero ter energia para isso. Seria maravilhoso. Alguém tem que ter energia para isso! Seria maravilhoso fazer mais cinco filmes dessa série. Eu acho que são histórias extraordinárias", afirmou. 

Desentendimento com fã

 

Millie Bobby Brown é uma das maiores estrelas jovens do momento, tanto que é lembrada pela série Stranger Things e o filme Enola Holmes da Netflix. Porém, ela mostrou que tem um lado da fama que não é muito agradável e fez um desabafo. 

Millie disse que estava fazendo apenas compras de Natal, quando começou a abordagem do fã que a deixou desconfortável. 

"Ela disse: 'Posso fazer um vídeo seu?'. Eu disse: 'Hum, não'. Mas por que alguém iria querer gravar um vídeo? De mim? Não é tipo, de nós duas. Não preciso justificar para ninguém; se eu não quiser filmar, não tenho que fazer", disse, chorando. 

Millie ainda contou que se sentiu “desrespeitada” quando, mesmo com o seu pedido, o fã não deixou de filmá-la. 

"Eu estava pagando e ela passou por mim e começou a me filmar novamente e eu disse: 'eu sou um ser humano, tipo, o que mais posso pedir de você?', ela disse: 'Então eu não posso fazer um vídeo de um ser humano?' e eu disse: 'Não, não quando eu disse não'”, relatou o ocorrido. 

Millie, então, pediu que os fãs sejam mais educados em suas abordagens e que “não ultrapassem os limites”. 

“Fico chateada quando as pessoas tentam ultrapassar os limites, e gostaria que fossem mais respeitosas. Vocês têm que mostrar mais respeito pelos outros, não importa quem sejam, o que façam, é questão de boas maneiras", disse ela.