Notícias às 10:00

Morre a mãe de Javier Bardem. Penélope Cruz presta homenagem à sogra

Penélope Cruz caminha abraçada com Javier Bardem

Penélope Cruz caminha abraçada com Javier Bardem (Foto: Grosby Group)

Penélope Cruz foi ao Instagram em 19 de julho fazer um raro post pessoal, em homenagem à sua sogra, a atriz espanhola Pilar Bardem, mãe de seu marido Javier Bardem, que morreu no final de semana aos 82 anos de idade.

Escrevendo em sua língua materna, Penelope – que estrelou em quatro filmes com Pilar, incluindo o sucesso de Pedro Almodóvar, Carne Trêmula, de 1997 – disse:

“Querida Pilar, eu olho essa foto e me pergunto qual seria sua reação se alguém tivesse dito na época que o destino tinha planos de nos unir além do cinema. Que aquela junção com Pedro era também uma prova da vida. Ou talvez já sabíamos que estava lá?”, começou dizendo.

“Você sempre foi tão boa para mim! Não dá para querer uma sogra melhor. Obrigada por todo amor que nos deu, por seus filhos, netos, toda sua família e amigos. Você me deu muitas coisas”, afirmou.

Veja+: Relembre as novidades da cinebiografia de Lucille Ball

“Obrigada por sempre se colocar ao lado daqueles que mais precisavam. Por levantar a voz para a injustiça. Por lutar para melhorar as condições dos membros da nossa sociedade que mais precisavam, sem esperar nada em troca. Não podemos esquecer que na nossa profissão, muitas coisas melhoraram graças aos seus esforços ao longo dos anos, sem que você desistisse. Você é admirável”.

Penélope continuou seu tributo à sua sogra, agradecendo a atriz por ter sido uma fonte de sabedoria para ela e sua geração.

“Obrigada por compartilhar comigo por todos esses anos sua sabedoria e seu humor! Te amo muito. Sempre vou levar você em meu coração. Obrigada, Pilar”.

Os seguidores foram à seção de comentários para prestar suas condolências à toda família e principalmente a Bardem que perdeu a mãe.

LUTO NA TV

O apresentador Fausto Silva ficou de luto pela morte de sua mãe, Dona Cordélia Moraes Correa Silva. A mulher morreu no final de junho passado aos 95 anos.

Professora aposentada, dona Cordélia, faleceu na noite de quarta-feira, 23 de junho, em Campinas, no interior paulista.

A causa da morte não foi revelada na época, conforme noticiou o jornalista Flávio Ricco, em sua coluna do R7.

Conhecida nos últimos anos por suas pinturas, ultrapassando mais de 500 quadros, a artista plástica deixou seis filhos, netos e bisnetos.