Notícias às 14:15

Morre a mãe de Nicolas Cage, aos 85 anos

Nicolas Cage

Christopher Coppola, irmão do ator Nicolas Cage, revelou que sua mãe Joy Vogelsang, morreu aos 85 anos, no dia 26 de maio. A notícia foi confirmada em uma postagem no Facebook publicada um dia após sua morte.

O cineasta escreveu: “Minha mãe morreu às 22h33 em 26/05. Eu estive com ela o dia todo, mas saí por algumas horas e perdi sua passagem… então não fui capaz de segurar sua mão para lhe dar meu amor e afeto antes de sua jornada para a terra da paz.”, disse.

Christopher revelou que a mãe sofreu muito com seus problemas mentais.

“Ela teve uma vida muito difícil com problemas de saúde mental. Em todo aquele caos emocional doloroso, ela ainda conseguiu me ensinar algo super importante. Minha mamãe leoa disse a mim, seu filho do meio, que eu era afetuoso. Fiquei muito constrangido com o termo carinhoso. Eu pensei que era uma coisa ruim, algo para rir. Mamãe leoa olhou para mim profundamente e disse que carinho era uma coisa boa e que não era para deixar os outros me envergonharem por ser naturalmente carinhoso. Meus colegas de classe riram de mim, disseram que carinho era uma coisa estúpida (…) Eu fiquei com raiva da minha mãe por me colocar naquela situação, uma situação que me fez sentir mais estranho do que já me sentia. Ela me abraçou e me disse baixinho que carinho era uma coisa boa e um dia posso entender ou não, mas devo sempre lembrar que eu era seu filhote carinhoso. A vida anulou minha inocência como acontece com muitos de nós, mas minha mãe morreu às 10:33 da noite, 26/05 desta noite”, lamentou.

O irmão de Nicolas Cage continuou com sua postagem, no intuito de encorajar outros a estarem presentes para seus entes queridos tanto quanto possível:

“Aprendi com minha mãe o que realmente significava ‘afeto’. Eu acredito que apenas uma mãe pode realmente ensinar isso. Não é amor ao próximo. É maior. Aperte a mão com ternura e significado. Não deixe sua mente pensar enquanto você abraça alguém. E, seu beijo definitivamente deve ser sincero e no momento … se não for, bem, isso aumenta o inferno na terra. Minha querida e doce mamãe morreu hoje às 22h33. Obrigado por todas as suas orações e por estar comigo nos últimos dias”.

Apesar do post de seu irmão, Nicolas Cage não falou ainda sobre a perda de sua mãe.

Christopher Coppola tampouco deu detalhes sobre como morreu Joy.

Palavrões na Netflix

Nicolas Cage vai contar a história por trás dos palavrões mais conhecidos, por meio de uma nova série na Netflix, chamada History of Swears. Segundo o site TVLine, o ator de 56 anos foi confirmado pela plataforma como o apresentador dos seis episódios do programa, que vai explorar a história por trás de alguns dos nossos palavrões preferidos.

History of Swears é descrito pela Netflix como ‘alto e profano’, e vai ‘explorar as origens, uso na cultura, ciência e impacto cultural dos palavrões’.

A Netflix também disse que a série vai mostrar ‘entrevistas com experts em etimologia, cultura pop, historiadores e animadores’: “Vamos ir fundo nas origens do fod-se, merd, put, porr e droga”.

Estrelas convidadas incluem Joel Kim Booster, DeRay Davis, Open Mike Eagle, Nikki Glaser, Patti Harrison, London Hughes, Jim Jefferies, Zainab Johnson, Nick Offerman, Sarah Silverman, Baron Vaughn e Isiah Whitlock Jr. Todos comentando sobre os palavrões.

Enquanto isso, alguns experts que aparecerão na série incluem o cientista cognitivo Benjamin Bergen, a linguista Charity Hudley, a professora de estudos feministas Mireille Miller-Young, o lexicógrafo Kory Stamper, entre outros.

History of Swears está sendo produzida pela Funny or Die e a B17 Entertainment.