Notícias às 21:00

Pitbull defende Britney Spears em seu caso de tutela

O rapper Pitbull, que fez turnê com Britney Spears, no começo de sua carreira, disse que espera que ela ganhe total controle de suas coisas novamente, depois de ser confirmado que o pai dela continuará sendo seu tutor, junto com a Bessemer Trust Company.

Ao ser questionado esta semana sobre a situação da colega, ele disse: "Britney me deu uma maravilhosa oportunidade de ir em turnê com ela pela Europa. Sou grande amigo do agente dela, Larry Rudolph", começou dizendo.

"Sabe, sou a favor da liberdade, da independência. Isso que está acontecendo com Britney já vem acontecendo há anos. Espero que eles quebrem esse ciclo. E espero que ela consiga controlar seu próprio destino", afirmou.

Durante uma audiência no começo dessa semana em uma corte de Los Angeles, o advogado de Britney Spears disse que a cantora não quer mais que seu pai fique encarregado das coisas dela.

'Ele é um idiota', diz namorado de Britney Spears sobre o sogro

Britney entrou sob a tutela dele em 2008 após um colapso mental, mas Pitbull acha que é hora da intérprete de Gimme More ter controle novamente.

Conversando com Dax Holt, do programa Hollywood Raw, ele explicou: "Controlar seu próprio destino não significa que você vai conseguir fazer tudo certinho na primeira vez. Não é isso. Eles não são chamados de 'erros', são chamados de 'precisamos fazer', e os erros não fazem quem você é… Sabe, você não faz os erros, os erros fazem você. Ela precisa de uma chance para ser ela mesma. Ela precisa de uma chance para viver a vida dela", comentou.

"Ela precisa de uma chance para controlar seu próprio destino e criar seu próprio futuro. Dito isso… Libertem a Britney!", pediu o cantor.

Justin Timberlake pede desculpas a Britney Spears e Janet Jackson

Mais controle

 

Britney Spears continua lutando nos tribunais para se ver livre da tutela de seu pai Jamie Spears. Agora o advogado da cantora argumentou em novos documentos na corte, que dar a Jamie mais poder em sua tutela seria 'altamente prejudicial' para Spears.

No mais recente desenvolvimento do caso, Samuel Ingham, representante legal da artista, afirmou:

"Seria altamente prejudicial aos interesses de Britney dar a Jamie mais controle sobre sua propriedade."

O comentário foi feito depois que Jamie Spears apresentou uma proposta ao tribunal, na qual ele argumenta que perdeu alguns de seus poderes desde que ele e a companhia  Bessemer Trust se tornaram co-conservadores do espólio de Britney em novembro do ano passado.

Mas Ingham argumentou que se Jamie tivesse o que queria, ele teria o poder de selecionar seus próprios "consultores de investimentos profissionais", separados da Bessemer Trust. E não era isso que Britney queria.

O advogado acrescentou ainda que acredita que 'Jamie está tentando garantir que Bessemer nunca se torne o único conservador do patrimônio de Britney' – algo que a cantora havia solicitado no início da batalha legal.

Ingham quer checar a possibilidade de Bessemer se tornar o único conservador no futuro. A próxima audiência do caso está marcada para quinta-feira (11).