Notícias às 08:07

Prontuário médico de Michael Schumacher é roubado e posto à venda para a imprensa

Getty Images
O prontuário médico de Michael Schumacher foi levado do hospital de Grenoble, na França, onde o piloto alemão esteve internado durante os últimos seis meses, após o gravíssimo acidente de esqui.
 
A porta-voz do heptacampeão mundial de Fórmula 1, Sabine Kehm, confirmou o sumiço do documento e denunciou que estão surgindo propostas para a venda do material para profissionais da imprensa.
 
De acordo com o jornal alemão Bild, o valor pedido é de 50 mil euros, cerca de R$ 150 mil. No entanto, não há a confirmação de que o prontuário seja o verdadeiro.
 
“Não podemos julgar se os documentos são autênticos (…) As autoridades estão envolvidas. Lembramos que é expressamente proibida a compra e a publicação de tais documentos e dados. O conteúdo de todos os arquivos médicos são totalmente privados e confidenciais e não devem ser disponibilizados ao público”, solicitou Sabine.