Notícias às 10:00

Rainha Elizabeth II busca motoristas e profissionais de limpeza com salários mensais de até R$ 14 mil

Rainha Eliizabeth II no set de Coronation Street, print

Reprodução/Instagram/@TheRoyalFamily

Olha aí, olha aí a oportunidade! Um anúncio, feito pelo Palácio de Buckingham, revela ter vagas para motoristas e profissionais de limpeza, com salários que variam entre R$ 84 mil até R$ 169 mil por ano, o que equivale a pouco mais de R$ 7 mil até R$ 14 mil por mês.

Quem assumir o cargo da limpeza, trabalhará 20h ou 40h semanais, de segunda-feira a domingo e o anúncio pede candidatos com boas habilidades e prioridade na carga de trabalho diária, além de saber que terá que encarar os 77 mil metros quadrados e mais de 770 quartos.

“Acima de tudo, você estará ansioso para aprender e desenvolver suas habilidades. Esta é a sua oportunidade de usar seu entusiasmo e paixão para entregar o excepcional”, diz o anúncio.

A Rainha Elizabeth II também precisa de gerente de obras para ajudar em reformas, analista de sistemas e gerente-assistente para o restaurante local.

Veja+: Rainha Elizabeth vê Kate Middleton como uma rainha

BOM DE VOLANTE

Já quem estiver interessado no cargo de motorista, vale saber que o trabalho será para conduzir mercadorias nas lojas locais do palácio, além de um negócio de atacado e comércio eletrônico. O salário do escolhido será de R$ 149.940 ao ano, ou seja, R$ 12.495 ao mês.

Ele também terá papel crucial na operação de veículos de entrega e empilhadeiras e carregar as devidas caixas todos os dias e ter conhecimento nas áreas de tecnologia da informação.

As informações do jornal britânico The Daily Mail. Quem se interessar para as vagas, tem até esta quinta-feira, 20 de outubro, para se inscrever.

CONFEITEIRO

Logo no início deste mês, a procura estava em um ótimo confeiteiro para o palácio. A Rainha Elizabeth II buscava um chef confeiteiro, segundo revelou o site Royal Household. De acordo com a publicação, a monarca de 95 anos queria um ‘Demi Chef de Partie’ (a pessoa nesta posição trabalha sob a supervisão do Chef de Partie e deve se reportar ao Sous Chef), com um ou dois anos de experiência, para criar uma variedade de delícias culinárias para as inúmeras funções realizadas pela realeza ao longo do ano.

Veja+: Princesa Beatrice homenageia a avó Elizabeth com a filha

O site listou as características essenciais do candidato ideal que ela buscava: “Como seria de esperar, os padrões e a atenção aos detalhes são excepcionalmente elevados aqui, e todos os dias são ocupados, então você precisa ser um chef de confeitaria ambicioso e qualificado com pelo menos um ou dois anos de experiência”, indicou.

“Você pode ter alguma experiência anterior em uma cozinha cinco estrelas ou ambiente semelhante, mas é a sua capacidade e entusiasmo para trabalhar com eficiência em todos os aspectos da cozinha de confeitaria que estamos procurando”, dizia o aviso, acrescentando que o candidato deveria saber trabalhar em equipe e ter ‘fortes habilidades de comunicação e adaptabilidade’.

PRIMEIRA VEZ DE BENGALA, EM PÚBLICO

Rainha Elizabeth II foi vista usando uma bengala pela primeira vez em público. A monarca inglesa de 95 anos só havia sido vista usando o acessório em 2003, mas foi devido à uma cirurgia no joelho.

Mas na semana passada, a rainha participou de um grande evento religioso na Abadia de Westminster que marcou o centenário da Legião Real Britânica, uma instituição de caridade das forças armadas.

Quando Elizabeth desceu da limusine, no centro de Londres, sua filha, a princesa Anne, lhe entregou a bengala para ajudá-la em sua locomoção.

Veja+: Rainha se lembra do Príncipe Philip em evento

De acordo com o jornal Daily Mail, o Palácio de Buckingham não quis comentar sobre o acessório que agora a rainha precisa usar.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS:
Morre Ronnie Tutt, antigo baterista de Elvis Presley
Camilla de Lucas é pedida em casamento
Alex Escobar assume os esportes no ‘Fantástico’ no lugar se Tadeu Schmidt
Luiza Possi dá à luz ao segundo filho, Matteo
A Fazenda 13: Gui Araújo fala sobre depressão e critica a produção do reality