Notícias às 05:00

Rainha Elizabeth II quer se reunir com o Príncipe Harry em Windsor

Rainha Elizabeth sorrindo

Reprodução/Instagram

Segundo informou o Daily Mail, a rainha Elizabeth II teria convidado o Príncipe Harry para se reunir com ela quando ele viajar ao Reino Unido, no fimdo mês para a inauguração da estátua de sua mãe, a Princesa Diana, nos jardins do Palácio de Kensington.

De acordo com fontes, a monarca de 95 anos convidou o Duque de Sussex para um almoço no Palácio de Windsor, uma ocasião na qual eles poderiam ficar sozinhos e conversar sobre os últimos acontecimentos que tem deixado a família real preocupada.

Na reunião, eles poderiam conversar sobre o ocorrido nestes últimos meses, e após o duro golpe da morte do Duque de Edimburgo, em abril.

No enterro do duque aconteceu uma primeira aproximação com seu irmão William e por isso essa visita seria a ocasião perfeita para reforçar os laços, segundo os especialistas.

Além disso, eles poderiam celebrar a chegada de Lilibet Diana, cujo nascimento alegrou muito a rainha, que sempre teve uma relação especial com Harry e Meghan Markle, assim como a própria duquesa contou ao qualificar a rainha como ‘amorosa e acolhedora’. “

Na entrevista com Oprah Winfrey, a mãe de Archie e Lili confessou: “Ela sempre foi maravilhosa comigo e sempre gostei de estar perto dela”.

A rainha também manifestou uma atitude conciliadora com o casal depois da entrevista com Oprah em março passado e o fez notar em um comunicado:

“Toda a família sente muito em saber como foram difíceis os últimos anos para Harry e Meghan. Os temas que eles falaram, principalmente os raciais, são preocupantes. Apesar de que algumas recordações podem variar, elas serão levadas a sério e serão tratadas de maneira privada pela família. Harry, Meghan e Archie sempre serão membros muito queridos da família”.

Licença parental

Os duques de Sussex devem tirar cinco meses de licença parental agora que nasceu seu segundo filho, a pequena Lilibet Diana. Meghan Markle deu à luz dia 4 de junho em um hospital de Santa Barbara, Califórnia. Eles também são pais de Archie, de dois anos.

Segundo o biógrafo real e amigo de Harry, Omid Scoobie, o príncipe está planejando tirar 20 semanas de folga do trabalho, que é o mesmo que ele e Meghan oferecem às pessoas que trabalham com eles na fundação de caridade Archewell.

“Estamos tão acostumados a ver homens da realeza voltando para o trabalho no dia seguinte, às vezes no mesmo dia, mas Harry e Meghan estão dando o exemplo com sua fundação Archewell. Eles oferecem até 20 semanas de licença parental para a mãe e o pai. Eles estão fazendo exatamente o mesmo, então vão ficar vários meses de folga do trabalho”, justifica.

E Omid acredita que a felicidade de Harry e Meghan vem de poder manter a chegada do bebê em segredo por alguns dias para que eles pudessem desfrutar de seu tempo com sua recém-nascida.

Falando ao programa “Good Morning America”, ele acrescentou: “Como sabemos pela equipe de Harry e Meghan, eles estão em casa muito felizes e imagino que grande parte dessa felicidade venha do fato de eles terem tido dois dias para manter esta notícia para eles mesmos. Eles puderam ter aquele momento privado no hospital e depois voltar para casa e comemorar antes de compartilhá-lo com todos nós”, comentou.

O casal agradeceu aos fãs pelo apoio e votos de felicidades após a chegada da bebê.

Em uma declaração postada em seu site da Archewell, eles disseram: “Ela é mais do que jamais poderíamos ter imaginado e continuamos gratos pelo amor e orações que sentimos em todo o mundo. Obrigado por sua gentileza e apoio contínuos durante este momento muito especial para a nossa família.”

Um porta-voz do Príncipe Harry e Meghan Markle confirmou a chegada de sua filha, que nasceu no dia 4 de junho no Hospital Santa Barbara Cottage, perto da residência onde moram, por volta das 11h40 da manhã, e pesando 3.486 quilos.

Na declaração, o casal explicou a origem do nome: Lilibet, o apelido carinhoso com o qual a família se dirige à Rainha Elizabeth, e Diana, em homenagem à Princesa de Gales.