Notícias às 03:00

Reese Witherspoon adota outro cachorro

Reprodução/Instagram

Reese Witherspoon deu às boas-vindas a outro amigo de quatro patas em sua família, após perder dois cachorros de estimação no ano passado. Na sexta-feira (15), a estrela de The Morning Show compartilhou com seus seguidores uma foto adorável de seu novo Labrador preto chamado Major.

Ela escreveu: "Bem-vindo à nossa família, Major! #Amomeulab". 

O filhote ostentava um crachá em forma de osso com seu nome, Major, escrito nele. 

Em junho passado, Witherspoon revelou que adotou um bulldog dois meses depois que seu cão Nash faleceu. 

Em outubro passado outro cãozinho foi embora: Pepper. Na época, a atriz comentou no Instagram ao compartilhar uma foto do pet, que ele era um 'amigo leal e dedicado'. 

"Sempre vamos amar você, Pepper." 

Os amigos e fãs de Reese inundaram seu post com mensagens de apoio após a triste notícia. 

Elizabeth Banks comentou: "Sinto muito por sua perda." 

Julianne Moore simplesmente respondeu com um coração vermelho, enquanto Laure Dern escreveu: "Doce Pepper. Que desgosto.". 

Na política

 

Durante sua participação no podcast SmartLess esta semana, Reese Witherspoon confirmou que não descarta entrar para a política. A estrela da série Big Little Lies disse 'nunca diga nunca' sobre trocar sua carreira em Hollywood para uma carreira política no futuro. 

E embora não esteja interessada neste momento em fazer essa troca, a atriz comentou sobre sua aspiração política: 

"Não vou dizer que nunca, porque não sei o que estarei fazendo quando tiver uns 65 anos", afirmou. 

E no caso de que Reese comece sua carreira, ela comentou que precisará usar sua plataforma para impulsionar uma 'representação melhor' para as mulheres e os grupos minoritários. 

"Acho que precisamos de maior representação e equilíbrio. As mulheres são 50% da população, mas não somos 50% representadas no governo, o que é bizarro, principalmente porque nos julgam por nossos corpos…  E a falta de representação das pessoas de outras raças, que são uma grande parte, quase a maior parte desse país? E o equilíbrio? Ying e Yang. Homem, mulher, equilíbrio". 

A atriz de 44 anos tem sua própria produtora, a Hello Sunshine, que emprega, em sua maioria, mulheres e assegurou que sua companhia também não valoriza a ideia de colocar um funcionário como 'o número um'. 

"É interessante como ninguém precisa ser o número um. Não fazemos isso. É bom dar o poder e compartilhar a responsabilidade. Então tem esse equilíbrio de poder, não tem uma pessoa ditando e mandando, falando exatamente o que tem que acontecer. São ideias coletivas. E isso funciona muito bem", disse.