Notícias às 16:27

Rodrigo Hilbert revela o que Fernanda Lima odeia nele

Divulgação/TV Globo

Recentemente, depois de construir uma casa na árvore para os filhos – e tantas outras coisas que faz – Rodrigo Hilbert voltou a ser notícia nas manchetes dos tabloides por aí. Em entrevista à revista Glamour, ele falou sobre vida pessoal e a família.

Para Rodrigo, todo mundo deveria se vestir de drag queen uma vez na vida, assim como ele fez na última temporada de Amor & Sexo, comandado por Fernanda Lima, na Rede Globo.

Ele ainda contou: "Já tive medo de lobisomem, mas, o que mais me assusta, hoje em dia, é a violência", disse.

Rodrigo concluiu: "A Fernanda (Lima) odeia quando eu não arrumo minha agenda".

Confira as revelações!

"As três qualidades que me fizeram chegar aonde estou hoje são: simplicidade, descontração e verdade".

"O poder de um super-heroi que eu gostaria de ter é espinafre concentrado do Popeye, para estar no páreo da minha mulher maravilha".

"Já tive medo de lobisomem, mas hoje tenho de violência".

"Sempre choro quando ouço a música Tocando em Frente (Almir Sater)".

"Depois de um dia estressante, relaxo brincando com as crianças".

"A Fernanda ama quando eu faço serviços de carpinteiro e eletricista em casa. E odeia quando eu não organizo minha agenda".

"Minha ideia de felicidade envolve minha família e amigos".

"O tipo de trabalho que eu faria de graça é cuidar de criança".

"A gíria que eu mais uso é: 'fala cabeça!'".

"O primeiro disco que comprei foi não lembro, mas com certeza algum sertanejo".