Notícias às 18:18

Simone e Simaria sobre DVD: ‘Nossa essência com tendências atuais’

Divulgação

Se tem uma dupla de artistas capaz de sacudir o Brasil com qualquer lançamento, essas artistas com certeza são Simone e Simaria, que chegam nesta sexta-feira (27) com a primeira parte do DVD Debaixo do Meu Telhado. Em coletiva de imprensa, na qual o OFuxico esteve presente, elas deram  detalhes do projeto.

“No início, queríamos fazer um projeto voltado para um sertanejo mais antigo, com os artistas escolhidos podendo cantar um clássico deles e uma nova. Porém, estava muito complicado, e quando entrei em contato com Marrone, ele foi bastante solicito e já falou com o Bruno, Dilsinho foi um amor como sempre e Tierry é muito parceiro nosso, e ao vê-lo em um momento positivo da carreira, ficou muito claro que deveríamos chamá-lo”, explicou Simaria, já contando a escolha das parcerias do projeto.

“Ao ver que nossa ideia inicial não estava funcionando ainda e que quem havia aceitado já, percebemos que era outro projeto, tinha outra cara, e seguimos com ele mesmo, resultando no que vocês estão prestes a conferir”, completou ela.

Para quem estava quebrando a cabeça se elas iriam mudar o estilo, pode ficar sossegado, pois a essência delas está amis do que mantida.

“A essência da dupla é a mesma, mas não deixamos de acompanhar o que está em alta entre o público, como a presença do piseiro. Foi Pa Pum é bastante animada, com um batidão sertanejo de fundo e dá para curtir e até dançar com coreografia”, afirmou Simone.

Uma das faixas, Foi Pa Pum, teve seu clipe exibido para os jornalistas presentes na coletiva, prometendo ser um dos grandes hits do momento e embalar a todos que ecsutarem.

“Foi Pa Pum é de Daniel Caon, namorado de Rafa Kalimann, em conjunto com Juan Marcus, de Regime Fechado, e foi amor à primeira vista. Ela começa bem romântica e de sofrência, mas aí a música vai crescendo e dá uma virada. É isso que queremos para a galera que nos escuta, que se terminar o namoro, é para seguir em frente”, garantiram as cantoras.

Desafios e pandemia

Por se tratar de um projeto bastante ambicioso em meio a pandemia do novo coronavírus, o processo foi bastante corrido, inclusive em relação ao process de criação do DVD.

“15 dias para realizar um projeto desse é coisa de louco. Passava o tempo e eu perguntava ‘cadê as músicas?’. Mas no final eu tudo certo, mesmo algumas chegando quase que no dia da gravação. Aqui em casa tem um estúdio, e recebi todo mundo, achei melhor estarmos juntos para pensarmos no DVD certinho”, contou Simaria, que produziu Debaixo do Meu Telhado com Hudson Hostins e Rafinha RSQ.

Falando em convivência, as irmãs revelaram que apesar da conversa frequente, muitas vezes elas demoravam para se responder por diversos motivos

“Eu nunca tive muito tempo para meus filhos. A pandemia está sendo um negócio complicado, mas por outro lado, aproveitei a companhia deles. Nunca me senti tão feliz penteado o cabelo da minha filha, abraçada com meu filho. Foi um período muito proveitoso nesse sentido”, contou Simaria.

Em seguida, elas comentaram sobre a decisão de não ter lançado o DVD Bar das Coleguinhas vol.2, que foi gravado no início do ano antes da quarentena.

“O Bar das Coleguinhas Vol.2 ficou muito incrível, algo surreal. Os fãs cantaram várias músicas juntos na gravação, uma energia incrível que queríamos levar para a estrada, por isso decidimos segurar o lançamento e passar este à frente. Queremos que seja um lançamento que possamos curtir”, afirmaram as artistas.

Caso você esteja preocupado se Debaixo do Telhado vai ter espaço nessa turnê que promete abalar os corações, não precisar se preocupar.

“Sempre unimos nossos lançamentos atuais com canções que marcaram a história de nossa carreira, e não será diferente com estes dois DVDs. Mal podemos esperar para sair fazendo shows, pois estamos preparando algo surreal”, garantiu Simone, que só vai pegar a estrada, caso esteja tudo normalizado, 30 dias após o nascimento da filha Zaya, pois quer curtir sua maternidade.

Rebatendo críticas à personalidade

Por estarem falando dos bastidores, Simone e Simaria aproveitaram para falar das diferentes personalidades que cada uma tem e como são contrastantes, até mesmo por Simaria participar de diversas etapas e seções da carreira delas (interpretação, composição, produção, estratégia de marketing, relação com a gravadora, entre muitas atividades).

“Sou mais quieta, dos bastidores mesmo. Não vejo problema nisso, apesar da crítica do público, de que apareço pontualmente. Mas gosto muito de como administro minhas redes. Hoje em dia, quando terminam um relacionamento, muita gente acha que na mesma hora uma pessoa pública deve dar satisfação, sendo que ninguém tem essa obrigação”, disse Simaria, já deixando um aviso aos haters de plantão que a comparam com a irmã por Simone ser mais extrovertida.

“Temos que aprender a não julgar os outros, falar que uma é simpática e outra não, porque você pode quebrar a cara. A Simone gosta de mostrar mais da vida dela nas redes sociais, mas tem espaço para todo mundo. Cada faz a sua escolha e não devemos cobrar ninguém por isso”, continuou.

“Devemos ser que nós realmente somos sempre! Por exemplo, eu recebi um convite para fazer um curso de etiqueta após o sucesso do meu vídeo de como se comportar na casa de rico, mas recusei pois não quero perder minha personalidade. Claro que eu sei algumas coisas e vamos aprendendo com a vida, mas não quero mudar completamente por causa disso”, falou Simone.

Planos futuros, Deus e “coleguinha ideal”

Em dado momento, elas foram questionadas sobre o que almejam para o futuro da carreira, e uma carreira internacional com certeza está nos planos.

“Daqui há cinco anos, queria colocar um pezinho na América Latina, fazer uma parceria de sucesso com algum cantor internacional. Temos muita vontade disso”, revelou Simaria.

“A Simaria sempre foi apaixonada por esse estilo de música em espanhol, latino, que ela ouvia desde pequena. Pode não ser meu sonho principal, mas se Deus dar esse presente na nossa carreira, eu vou ficar muito feliz”, explicou Simone.

Simaria também comentou sobre como a fé é um dos grandes guias na sua vida, seja ela pessoal ou profissional.

“Minha relação com Deus é muito forte. Compomos uma música que senti a presença dele no quarto, e ela ficou surreal. É de fora dos dois DVDs que estamos prestes a lançar, e todo mundo vai sentir como ela é poderosa no momento certo”.

“Mas pode perguntar para a Simone. Muitas vezes estamos viajando no avião e simplesmente me vêm uma vontade súbita de compor músicas. É algo natural que não tenho palavras para explicar, mas sou eternamente grata”, declarou.

Por fim, elas definiram de maneira divertida e bem-humorada o que é necessário para ser um bom “coleguinha” de Simone e Simaria.

“Pode ser coleguinha quem for gente boa, gentil. Quem for sem futuro, me ignora!”, brincou Simone

“Eu também. Procuro fazer amizade com quem for de verdade. Pode ter dinheiro, sucesso, mas se a energia não bater, não rola. Tenho até uma frase comigo: quando a gente morrer, vai todo mundo para o mesmo buraco”, completou Simaria.

Lembrando que o EP com as quatro primeiras músicas do DVD chega nas plataformas de música tanto de áudio quanto de vídeo nesta sexta-feira (27). As músicas desta parte são Foi Pa Pum, Aí lascou (com participação de Dilsinho), Na classe (com participação de Bruno e Marrone) e Presente de Deus.

Animado para conferir a primeira parte de Debaixo do Meu Telhado?