Notícias às 16:00

Sthefany Brito fala de sua constante preocupação com o filho

Reprodução/Instagram

Sthefany Brito compartilhou nesta segunda-feira (30) com seus seguidores do Instagram como têm sido o processo maternal com seu filho Antonio Enrico, de apenas um mês de vida, fruto de seu casamento com Igor Raschkovscky.

De início, a atriz iria falar sobre amamentação, mas acabou se distraindo e contando como se preocupa com o pequeno, até mesmo escutando ele chorar do nada:

"Eu escuto ele chorar quando nem está chorando. Mães me entenderão. Às vezes estou tomando banho, já cheguei a ponto de desligar o chuveiro.Eu tinha certeza que ele estava chorando. Então, desliguei o chuveiro, e não ouvi nada. Pensei: 'Bom, ele não está chorando e eu estou ficando louca'. E aí ligava o chuveiro e escutava o choro dele", desabafou Sethefany, perguntando para as mamães de seu Instagram se isso também ocorria com elas. 

A mamãe também contou que planeja realizar uma live para falar sobre amamentação e como melhorar o processo para quem está tendo dificuldades. Uma super mãe, né?

 

 

Sthefany Brito mostra marido com o filho: ‘Renascemos junto’
Sthefany Brito posta foto com o filho, mas esconde o rosto da criança

Sthefany Brito:‘Pela 1ªvez, a dor da mamada era suportável'

Sthefany Brito encantou ainda mais seus seguidores após dar à luz a Antonio Enrico, fruto de seu relacionamento com Igor Raschkovsky.

Frequentemente, ela vinha comentando sobre as dores que sentia durante a amamentação, dando mais detalhes recentes do processo em seu perfil oficial no Instagram no domingo (15).

“Toda mamada ele segura (com muita força) meu sutiã… E eu sempre falo baixinho no ouvido dele: ‘A mamãe está aqui meu amor, não vou fugir.’ Desde o início que vi ele segurando com toda força eu repito essa frase”, começou o relato dela.

“Mas várias vezes me peguei falando isso e pensando o contrário… e claro me sentindo culpada (e chorando!) Sim, as vezes a vontade era de fugir! Da dor da mamada, da dor cada vez que ele perdia a pega e tínhamos que recomeçar! Mas queria fugir com ele! Óbvio! E aí como fugiria da mamada? Enfim… mães me entenderão”, continuou

“Hoje bem cedinho estava dando de mama, e ele lá segurando meu sutiã… repeti o que sempre falo… e quando me dei conta estava sorrindo olhando para ele e pela primeira vez a dor da mamada era suportável! Chorei! Sorri! Chorei de novo! E sorri muito! Rezei! Agradeci! Pensei em todas as mensagens de apoio q recebi e recebo! Ele acabou de mamar! E eu em lágrimas agradeci a ele!”, revelou ela.

“‘Estamos conseguindo meu filho’, eu disse! Contei para ele (eu converso muuuuuito com ele) que não estava doendo como antes (ainda dói, mas menos!), e ele sorriu! Sorrisão, daqueles da gengiva rosinha dar as caras!!! E eu? Chorei!!!!! Chorei de AMOR!”

“E assim será pelo resto da minha vida, sempre juntos enfrentando o que vier…
Ele me transforma todos os dias, me mostra a força que mora aqui dentro e eu não tinha noção do tamanho dela! É a força do AMOR INCONDICIONAL”, concluiu Sthefany Brito.

Sthefany Brito falou de amamentação mais uma vez

Confira a publicação completa no perfil do Instagram @sthefanybrito.

Sthefany Brito posta foto com o filho, mas esconde o rosto da criança
Sthefany Brito relembra último clique grávida e encanta web

Declaração ao marido

Na quinta-feira (12), a artista compartilhou uma foto bastante encantadora do amado segurando o pequeno no colo, fazendo uma declaração emocionante na legenda.

“Eu lembro que meus votos do nosso casamento acabaram com a seguinte frase: ‘Que sorte a dos meus filhos, terão o melhor pai do mundo. ’Hoje eu olho para você com nosso filho nos braços e toda vez (em silêncio) eu agradeço a Deus por ser você!”, escreveu Sthefany.

“Não só pelo pai que você está sendo (e eu já sabia), mas pelo marido que durante uma semana entrou debaixo do chuveiro junto comigo e me deu banho, pelo amigo q me escuta as vezes dizer que acho que não vou conseguir, pela sua mão q pega na minha toda vez q volto de alguma mamada na madrugada, pelo chocolate que você me trouxe ontem, pelas lágrimas que você já enxugou (e não foram poucas), pelo seu cartão dizendo que eu sou a melhor mãe do mundo (quando o Enrico só tinha dois dias de vida)…”, continuou.

“Meu amor, hoje não é nosso aniversário, mas olhei no calendário e faz 11 dias que renascemos junto com a chegada do nosso filho! E por mais difícil e dolorido e muitas vezes confuso (para mim) que esteja sendo, você faz tudo ficar um pouco mais leve… Enrico tá aqui no meu colo, sonhando e dando uns sorrisinhos na boquinha q é igual a sua! Obrigada por estar comigo na experiência mais louca e mágica da vida! Obrigada por ele! Obrigada por ser com você!”, concluiu ela.

Sthefany Brito elogiou a paternidade de Igor Raschkovsky