Notícias às 11:12

Xuxa fala de abuso sofrido na infância: ‘Nada vai diminuir”

Reprodução/Youtube

Xuxa Meneghel participou de uma entrevista para o canal Põe na Roda, no Youtube, na última terça-feira (10), e falou um pouquinho a respeito do seu livro Memórias, em que conta a sua história sem meias palavras. A atriz comentou o fato de ter falado abertamente a respeito do abuso sexual sofrido na infância e respondeu o que aconselharia às pessoas que passaram pela mesma situação.

Xuxa Meneghel posta clique nostálgico de nave e fãs vibram
Xuxa fala da intimidade na estreia de Tatá Werneck e diz que no sexo 'vale tudo'

“A gente não quer ser aconselhada. A gente precisa de abraço, precisa ser compreendido, mas a gente não quer ouvir nada. O que a gente gostaria, quem sofreu isso, é não ter sofrido. Como já sofreu, acho nada vai virar, diminuir ou falar. A única coisa que eu posso dizer que eu acho que eu gostaria de ter ouvido, não que teria feito muita diferença, mas eu acho que teria sido bom, pelo menos, é que eu não estava sozinha”, comentou. 

Xuxa ainda confessou qual seria o boato que mais lhe incomoda a respeito da sua carreira:

“O que mais me irrita nas pessoas é elas não terem visto o meu filme, Amor estranho amor. Eu estou falando que é meu porque todo mundo acha que eu dirigi, que eu produzi…Isso me incomoda. Eu gostaria muito que as pessoas vissem para poderem tirar as suas próprias conclusões, porque elas falam tanta idiotice desse filme, que é uma ficção”, desabafou.  

A atriz ainda confessou que sempre preferiu sua nave cor de rosa no cenário do Xou da Xuxa e que amava apresentar o programa na Argentina, mas que teve dificuldades nos Estados Unidos por causa do inglês.

“Teve uma criança que falou assim: ‘Por que você fala tão estranho e canta tão legal?’”, contou aos risos. “Passei um sufoco, não quero passar mais por isso não”, completou.

Figurinhas safadas

Xuxa também aproveitou para contar algumas curiosidades da sua vida pessoal. Uma delas foi em relação à conversa que tem com as amigas Angélica e Eliana no chat que elas têm em conjunto em um aplicativo.

Xuxa Meneghel é madrinha de campanha sobre veganismo
Xuxa Meneghel sobre Tom Veiga: ‘Diz a minha Aldinha que eu a amo’

“Óbvio que eu sou a pessoa que mais manda figurinhas safadas no nosso grupo de Whatsapp. Depois, em ordem, vem a Angélica e a Eliana. A Elina só entra para falar: ‘Meu Deus gente, o que está acontecendo? Mas ela também manda um pouquinho'”, contou Xuxa.

Ainda, ela comentou sobre seu início de carreira e de ter se tornado referência de uma geração inesperadamente.“Eu não tinha noção nem do que estava fazendo, de como falava. Eu só queria que as pessoas ficassem felizes do meu lado e estar feliz do lado delas. Que bom que eu pude ajudar. Hoje vejo pessoas falando que foram crianças felizes por minha causa e fico feliz porque era isso que eu queria”, declarou.